10:23 23 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    1310
    Nos siga no

    O porta-voz do Departamento de Estado dos EUA, Edward Price, disse em uma coletiva de imprensa nesta sexta-feira (19) que os Estados Unidos continuarão desencorajando países terceiros de fornecer armas ao Irã.

    O anúncio do Departamento de Estado dos EUA veio após informação de que a administração norte-americana estava pronta para participar de uma reunião para discutir uma "forma diplomática de avançar no programa nuclear iraniano".

    "Independentemente da arquitetura das sanções da ONU ao Irã, continuaremos usando nossas autoridades para dissuadir os países de fornecer armas ao Irã", disse Price.

    Na última quinta-feira (18) os EUA retiraram a declaração do governo de Donald Trump de reimpor todas as sanções da ONU ao Irã.

    ​O porta-voz do Departamento de Estado também comentou que reverter a posição adotada pela administração de Donald Trump fortalece a posição norte-americana de engajar o Conselho de Segurança da ONU no Irã.

    Em 4 de janeiro de 2021, Teerã anunciou que aumentaria o enriquecimento de urânio para 20%, nível anterior à assinatura do Plano de Ação Conjunto Global (JCPOA), que fixava o percentual máximo deste indicador em 3,67%.

    Mais:

    Enquanto os EUA pedem diplomacia, Irã exige 'ação, não palavras' no retorno ao acordo nuclear
    Irã notifica AIEA de sua intenção de limitar inspeções nucleares sob lei recém-aprovada
    'Concordamos': MRE do Irã elogia desistência dos EUA de restaurarem todas as sanções contra o país
    Pompeo sobre reinício de negociação com Irã: 'Quando os iranianos sentirem fraqueza, eles atacarão'
    Tags:
    Departamento de Estado dos EUA, Departamento de Estado, armas, sanções, sanção, acordo nuclear, EUA, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar