16:41 27 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Análise
    URL curta
    0 53
    Nos siga no

    O Senado realiza nesta semana uma série de sessões para avaliar 32 nomes indicados pelo governo para assumir o cargo de embaixador do Brasil nos EUA.

    Entre as indicações a serem avaliadas, a expectativa é que o nome de Nestor Forster seja aprovado para a embaixada do Brasil nos EUA.

    O presidente da Comissão de Relações Exteriores do Senado Federal, Nelsinho Trad (PSD-MS), em entrevista à Sputnik Brasil, lembrou que a indicação de Nestor Forster ocorreu ainda no ano passado e "já foi votada na Comissão das Relações Exteriores e Defesa Nacional, e remetida ao plenário no final de 2019".

    "Ocorre que veio a pandemia do coronavírus e as sessões plenárias não puderam mais se realizar presencialmente, de tal sorte que, com a retomada nessa semana [das sessões], é mais que considerado fazer logo essa apreciação, porque o embaixador Nestor Forster está de fato na embaixada do Brasil nos EUA e precisa ser instituído para se colocar de direito naquele país", destacou.

    Ao comentar se há alguma importância a indicação de um embaixador acontecer às vésperas da eleição dos EUA, Nelsinho Trad afirmou que não vê "nenhuma relação em questão política e eleitoral diante das eleições dos EUA, uma vez que esta indicação iniciou-se no ano passado".

    A votação no Plenário do Senado ocorre 11 meses após Eduardo Bolsonaro ter anunciado a desistência da indicação de seu nome à chefia da embaixada do Brasil nos EUA. Em julho do ano passado, Jair Bolsonaro afirmou pela primeira vez que pretendia indicar o deputado, seu filho, para Washington, recebendo duras críticas.

    "Essa questão se politizou, o que não deve ocorrer em questões relacionadas à diplomacia. Ocorre que são águas passadas, o importante agora é efetivar quem foi indicado, no caso, o embaixador Nestor Forster", afirmou o senador.

    De acordo com Nelsinho Trad, a indicação de um diplomata de carreira nesse caso "se faz necessária" por conta dos "questionamentos políticos feitos pela indicação do deputado federal Eduardo Bolsonaro tempos atrás".

    As opiniões expressas nesta matéria podem não necessariamente coincidir com as da redação da Sputnik

    Mais:

    Secretário de Estado dos EUA visitou Brasil para beneficiar campanha de Trump, afirma analista
    China quer manter boa relação com Brasil para tirar protagonismo dos EUA na região, diz especialista
    Brasil pode ser instrumentalizado pela campanha democrata nos EUA, diz especialista
    EUA suspendem restrição de voos com origem no Brasil
    Tags:
    diplomata, Brasil, senador, EUA, Embaixada
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar