14:21 04 Agosto 2021
Ouvir Rádio
    Mundo insólito
    URL curta
    0 21
    Nos siga no

    Percurso até o topo da montanha Ben Nevis, na Escócia, proposto pelo aplicativo do Google é difícil até para os montanhistas mais experientes, afirma especialista.

    O serviço Google Maps oferece uma rota perigosa para quem deseja escalar a montanha escocesa Ben Nevis, o ponto mais alto do Reino Unido, com 1.345 metros.

    "Dependendo de como alguém pesquisa a rota [de Ben Nevis], o Google Maps pode direcioná-lo para o trajeto mais próximo do cume da montanha em linha reta, indicando uma rota descrita por especialistas como 'altamente perigosa'", alerta Heather Morning, consultora de segurança da Moutaineering Scotland, uma organização de montanhismo da Escócia.

    A consultora acrescenta que mesmo montanhistas mais experientes teriam dificuldade em seguir essa rota. "A rota passa por terrenos muito íngremes, rochosos e sem caminhos onde, mesmo com boa visibilidade, seria difícil encontrar um caminho seguro. Adicione nuvens baixas e chuva e a rota sugerida pelo Google [Maps] é potencialmente fatal", diz.

    Descobriram que o Google Maps envia os andarilhos por uma rota "potencialmente fatal" na montanha mais alta do Reino Unido. A rota para o topo de Ben Nevis proposta pelo aplicativo de mapas é difícil até mesmo para o montanhista mais experiente.

    Uma porta-voz do Google disse que a empresa vai investigar o problema. "Nós construímos o Google Maps pensando em segurança e confiabilidade e estamos trabalhando rapidamente para investigar o problema de roteamento em Ben Nevis […]. Além de usar dados confiáveis ​​e imagens de alta definição para atualizar o mapa, também encorajamos as organizações locais a fornecer informações geográficas sobre estradas e rotas por meio de nossa ferramenta de upload de dados geográficos", afirmou a funcionária, citada pelo jornal The Guardian na sexta-feira (16).

    Mas Ben Nevis não é o único local onde as rotas do aplicativo não são confiáveis, alerta Morning. "Hoje em dia, é muito fácil presumir que as informações na Internet são boas, corretas, atualizadas e seguras. Infelizmente, a experiência mostra que esse não é o caso e tem havido uma série de incidentes recentemente onde as rotas […] da Internet causaram ferimentos ou pior", garantiu a consultora, aconselhando que as pessoas que desejam caminhar por montanhas e colinas a primeiro verificar com um guia local ou ver mapas especializados.

    Mais:

    Acidente de helicóptero deixa 5 mortos no Alasca
    Ministro dos Transportes da Argentina morre em acidente de trânsito
    Agricultor belga aumenta território de seu país por acidente
    Acidente grave envolvendo ônibus com equipe de futsal do Paraná deixa 2 mortos e 20 feridos (VÍDEO)
    Tags:
    Reino Unido, Escócia, rota, caminhada, Google Maps, Google, Google
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar