09:19 12 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Mundo insólito
    URL curta
    1310
    Nos siga no

    Analisando imagem obtida por caçador de OVNIs, ufólogo afirma que serviço do Google Maps fotografou acidentalmente um objeto voador não identificado em praia neozelandesa.

    Se, por um lado, cientistas buscam sinais de vida extraterrestre no espaço, o ufólogo Scott Waring acredita ter encontrado tal evidência na Terra.

    A razão disso seria o achado de um suposto OVNI flutuando sobre a praia de St Kilda, na ilha sul da Nova Zelândia, em uma imagem de 360° feita pelo Google Maps.

    Foto de suposto OVNI em praia da Nova Zelândia
    © Foto / Google Maps
    Foto de suposto OVNI em praia da Nova Zelândia

    O suposto achado foi reportado pelo caçador de OVNIs David Newstead ainda em 2014, contudo ele só ganhou notoriedade na mídia nesta semana após Waring a ter divulgado.

    "Este OVNI se parece com um disco gordo, mais espesso no meio superior e inferior. O objeto é de cor metálica e não possui asas ou nada que indique que possa ser um balão, drone, avião, ou qualquer coisa", afirmou Waring no blog ET Data Base.

    Ainda segundo o ufólogo, o ar ao redor do objeto parece estar "distorcido, como se o sistema propulsor estivesse alterando a temperatura do ar ou a estática".

    Mais:

    Astrônomos revelam catálogo de objetos que poderiam hospedar inteligência alienígena
    Seria 'extraordinário' se não existisse vida extraterrestre, afirma ex-chefe do MI6
    Satélite de Júpiter é melhor candidato para abrigar vida extraterrestre, acreditam cientistas
    Tags:
    Google Maps, OVNI, disco voador, alienígena, vida extraterrestre, ET, ufólogos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar