09:27 15 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    2371
    Nos siga no

    A coleção de dados FAIR1M estará aberta à comunidade internacional e poderia ajudar a melhorar a inteligência artificial na identificação de objetos a partir do espaço.

    A China lançou a maior coleção do mundo de dados de objetos de alta resolução a partir de imagens de teledetecção, o que permitiria localizar de forma rápida e precisa os objetos de interesse a partir de imagens por satélite, segundo o jornal South China Morning Post.

    De acordo com o Instituto de Inovação em Informação Aeroespacial da Academia de Ciências da China, este reconhecimento de objetos de granulação fina em imagens de detecção remota de alta resolução (FAIR1M) é dezenas ou centenas de vezes maior que outros conjuntos de dados similares utilizados em outros países. A base de dados estará aberta à comunidade internacional a partir de junho.

    O banco de dados fornece informação mais detalhada sobre objetos em imagens de teledetecção, além de conter informação geográfica como latitude, longitude e resolução, fornecendo ainda uma melhor qualidade de imagem devido a seu procedimento de limpeza de dados.

    Desta forma, o banco de dados poderia ajudar a treinar a inteligência artificial a identificar objetos com precisão, como modelos de aeronaves e estruturas.

    O tamanho relativamente pequeno dos outros bancos de dados existentes para o treinamento da inteligência artificial no reconhecimento de imagens de satélite havia afetado a precisão nas aplicações da vida real.

    A coleção de dados ajudará a promover o desenvolvimento de algoritmos de interpretação de imagens de teledetecção de alta resolução, a partir da detecção de objetos até o reconhecimento detalhado.

    Além disso, este banco de dados pode ser utilizado por profissionais de áreas relacionadas, como topografia e cartografia, explicou Fu Kun, cientista principal do projeto.

    Mais:

    UE considera 'rejeitar' acordo de investimento com China devido a sanções de Pequim
    China lança foguete com módulo principal da sua futura estação orbital (VÍDEO, FOTOS)
    Pequim: atividade militar dos EUA em áreas reivindicadas pela China aumentou muito com governo Biden
    Tags:
    inteligência artificial, imagens, satélite, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar