12:24 01 Agosto 2021
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    0 10
    Nos siga no

    Um homem suspeito de ter enviado e-mails com ameaças de mortes a dezenas de deputados foi detido nesta quinta-feira (18) em Paris, na França, informa a mídia local.

    O suspeito, um franco-camaronês de 34 anos, já havia sido condenado em 2018 por "ameaças de morte reiteradas". Em prisão provisória, enquanto aguarda para se apresentar a um tribunal, no próximo dia 15, ele deverá passar por uma avaliação psiquiátrica, escreve a AFP. 

    ​Em 2016, o réu em questão sofreu um surto mental, por exaustão, quando ocupava um bom cargo em uma empresa do ramo de comércio. Dois anos depois, acabou sendo despejado da casa onde vivia. E, atualmente, morava em um alojamento social e trabalhava com entrega de comida por aplicativo.

    Nos dias 5 e 6 deste mês, o suspeito enviou mensagens a 42 parlamentares, de vários partidos, todos com sobrenomes começando por C ou M. O presidente da Assembleia Nacional, Richard Ferrand, relatou o fato ao Ministério Público, como manda o código de processo penal, e uma investigação foi aberta na semana passada.

    Mais:

    PGR denuncia deputado Daniel Silveira por agressão verbal e ameaça
    Brasil: após recusar Ministério da Saúde, médica revela ameaças e passa a usar carro blindado
    Polícia Civil intima empresário que ameaçou Lula em vídeo com arma de fogo
    Tags:
    parlamentares, deputados, Paris, prisão, morte, e-mail, ameaças, França
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar