20:05 12 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    8453
    Nos siga no

    A Polícia Civil de São Paulo abriu investigação nesta terça-feira (16) contra um homem que divulgou um vídeo em que, com uma arma na mão, faz ameaças de morte ao ex-presidente Lula.

    A investigação foi aberta seguindo determinação do governador João Doria. Em nota à imprensa, o tucano alegou a integridade física do ex-presidente como um dos motivos para a abertura da investigação.

    "O governador determinou a imediata investigação policial junto ao autor do vídeo que atenta contra a segurança e a integridade física do ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva", disse o Palácio dos Bandeirantes em nota, segundo o G1.

    O portal informa também que Doria conversou por telefone com a presidente nacional do PT, a deputada federal Gleisi Hoffmann, para falar sobre o caso.

    O vídeo, gravado na mesma semana em que Lula se pronunciou sobre a anulação de suas acusações, gerou muitos comentários e compartilhamentos nas redes sociais. O homem faz disparos e ameaças, aponta para a arma e diz que Lula "vai ter problema".

    Segundo o G1, a assessoria de imprensa de João Doria ressaltou que o governador "entende que não será à base de ameaças, agressões ou tiros que o Brasil encontrará o caminho da paz, equilíbrio e respeito pela democracia e pelo contraditório".

    Mais:

    Bolsonaro x STF: cientista político explica conflito, mas vê novo rumo com a volta de Lula
    Melhores fotos da semana em que Lula tem suas condenações na Lava Jato anuladas pelo ministro do STF
    Mercado tem realmente medo de possível retorno de Lula à presidência? (VÍDEO)
    'Ele pegou a arma, e pensei que ia morrer', diz brasileira vítima de violência doméstica em Portugal
    Tags:
    Brasil, arma, João Doria, política, Lula
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar