18:16 26 Julho 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    1276
    Nos siga no

    O nosso planeta deverá ser submergido em uma onda de luz solar que começou na segunda-feira (7), e que deverá dar boas-vindas no final desta terça-feira (8).

    A Terra será coberta por uma nuvem de plasma lançada do Sol, relata o Instituto Físico da Academia de Ciências da Rússia.

    "São esperados na Terra distúrbios geomagnéticos causados por um clarão solar na noite de 9 [quarta-feira] para 10 de dezembro [quinta-feira] de 2020, os primeiros em vários anos, causados por uma massa de matéria solar liberada da atmosfera de nossa estrela na noite de 7 de dezembro [segunda-feira], durante o clarão que lá ocorreu [...]", relata o Laboratório de Astronomia de Raios X do Sol da instituição.

    As primeiras nuvens de plasma solar deverão chegar ao espaço próximo à Terra por volta das 21h00 ou 22h00, da terça-feira (8), horário de Brasília, com o núcleo principal da ejeção alcançando a órbita da Terra poucas horas antes.

    "No total, nosso planeta submergirá em matéria solar por cerca de um pouco mais de um dia, até meados de 10 de dezembro [quinta-feira]", horário de Moscou, Rússia, acreditam os cientistas, o que levará a um forte aumento da carga de radiação em veículos espaciais, bem como a oscilações do campo magnético na superfície da Terra.

    No entanto, o clarão que ocorreu no Sol pertence à classe C, dos menores. A classe M, média, tem o triplo desse poder.

    Plasma do Sol (imagem referencial)
    Plasma do Sol (imagem referencial)

    "É possível notar que os recordes na história da observação são clarões de nível X20, que são mais de 200 vezes maiores no poder do que o evento atual", informa o comunicado.

    Mais:

    Dez vezes mais quente que Sol: China inaugura aparelho para obter energia de fusão nuclear (FOTOS)
    Novo tipo de explosões eletrônicas no Sol é descoberto pela Voyager da NASA
    NASA detecta novo tipo de explosão magnética no Sol (VÍDEO)
    Tags:
    Academia de Ciências da Rússia, Terra, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar