21:42 09 Abril 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    5114
    Nos siga no

    Vídeo postado pelo chefe de comunicação da Casa Branca e compartilhado pelo presidente dos EUA é o primeiro na história do Twitter a ser classificado como "manipulado".

    Apesar da classificação, o vídeo tem mais de seis milhões de visualizações e foi compartilhado pelo presidente dos EUA, Donald Trump.

    O diretor de mídias sociais da Casa Branca, Dan Scavino, publicou um vídeo com um dos potenciais opositores de Donald Trump nas eleições presidenciais deste ano, Joe Biden, na noite desse sábado (7).

    O vídeo mostra o democrata dizendo que os eleitores "só podem reeleger" o presidente republicano, Donald Trump.

    No vídeo, Biden afirmaria: "Desculpem, nós só podemos reeleger Donald Trump."

    ​"Joe dominhoco em St. Louis, [estado norte-americano de] Missouri, hoje: 'Nós só podemos reeleger Trump'"

    No entanto, o conteúdo foi editado para remover o contexto no qual o discurso de Joe Biden foi proferido.

    Na verdade, o potencial candidato democrata à presidência dos EUA disse: "Desculpem, nós só podemos reeleger Donald Trump se ficarmos de fato presos nessa lógica de atirar uns nos outros aqui", disse, referindo-se às divisões internas de seu partido.

    "Devemos fazer uma campanha positiva, então junte-se a nós", concluiu Biden no vídeo original.

    O vídeo ainda está disponível na plataforma, mas foi classificado pelos administradores da rede social como "mídia manipulada".

    A classificação é parte da nova política da empresa, que passará a alertar os usuários sobre conteúdo manipulado ou sintético, como vídeos editados e os chamados "deep fake" – vídeos modificados ou produzidos inteiramente de forma digital.

    Mais:

    Bolton diz que Casa Branca bloqueou seu Twitter por medo do que ele pode dizer
    Sputnik lidera criação de plataforma do BRICS de combate às 'fake news'
    Twitter suspende contas ligadas ao governo de Nicolás Maduro
    Tags:
    fake news, Donald Trump, Casa Branca, Twitter
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar