Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

EUA e Ucrânia firmam acordo estratégico de Defesa para aumentar cooperação no mar Negro

© AFP 2021 / ALEXEY KRAVTSOV / AFPManobras navais internacionais Sea Breeze 2017 organizados pelos EUA e Ucrânia no mar Negro
Manobras navais internacionais Sea Breeze 2017 organizados pelos EUA e Ucrânia no mar Negro - Sputnik Brasil, 1920, 31.08.2021
Nos siga no
O acordo entre Washington e Kiev tem como objetivo não só a cooperação conjunta no mar Negro, mas também no campo da cibersegurança e no compartilhar de informação, segundo Lloyd Austin, secretário de Defesa dos EUA.
O novo pacote de assistência de US$ 60 milhões (aproximadamente R$ 311 milhões) para a Ucrânia inclui mísseis Javelin antitanque portáteis, afirmou Austin, nesta terça-feira (31).
"Como você sabe, o presidente Biden aprovou um novo pacote de assistência de segurança de US$ 60 milhões, incluindo sistemas Javelin antitanque, entre outros, para permitir que a Ucrânia se defenda melhor contra a agressão russa", disse o secretário de Defesa norte-americano ao presidente ucraniano Vladimir Zelensky, dando-lhe as boas-vindas ao Pentágono.
"O acordo de defesa estratégica EUA-Ucrânia, que o ministro da Defesa [ucraniano Andrei] Taran e eu assinaremos hoje, reforça nossa cooperação e avança nossas prioridades comuns, tais como assegurar que nossa cooperação bilateral de segurança continue a ajudar a Ucrânia a combater a agressão russa, implementar reformas na indústria de defesa que apoiem as aspirações de adesão da Ucrânia à OTAN, [bem como] aprofundar nossa cooperação em áreas como a segurança do mar Negro, cibersegurança e compartilhamento de informações", explicou Lloyd Austin.
Na sexta-feira passada (27), o presidente dos EUA ordenou ao secretário de Estado norte-americano, Antony Blinken, que alocasse a quantia referida, vinda dos fundos do Pentágono, para ajudar a Ucrânia, incluindo bens e serviços de defesa.
Desde 2014, Washington já forneceu cerca de US$ 2,5 bilhões (R$ 13 bilhões) em ajuda militar a Kiev, incluindo armas letais.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала