- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

STJ decide rejeitar federalização do caso Marielle e Anderson

© Folhapress / Daniel Resende / Futura PressProtesto "Quem Mandou Matar Marielle?" no Rio de Janeiro (RJ), nesta sexta-feira (01), com presença de políticos e familiares da vereadora
Protesto Quem Mandou Matar Marielle? no Rio de Janeiro (RJ), nesta sexta-feira (01), com presença de políticos e familiares da vereadora - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Terceira Seção do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu não federalizar a investigação que apura quem foi o mandante do assassinato da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes, ocorrido no Rio de Janeiro, em março de 2018.

Com a determinação desta quarta-feira (27), o caso permanecerá sob a responsabilidade das autoridades fluminenses, não passando, portanto, para a Polícia Federal e a Justiça Federal, como defendiam os advogados dos supostos executores, o policial militar reformado Ronnie Lessa e o ex-PM Élcio Vieira de Queiroz, atualmente presos. 

​O pedido para mudar a jurisdição do caso foi feito em setembro passado pela então procuradora-geral da República Raquel Dodge, que reclamou da "inércia" dos investigadores da Delegacia de Homicídios do Rio para apurar os fatos.

Contrária à federalização, a família de Marielle lutou ativamente pela manutenção das investigações na esfera estadual. Entre os motivos alegados para tal estariam a possibilidade de uma demora ainda maior para a elucidação do crime e o receio de uma interferência do presidente Jair Bolsonaro nos trabalhos da PF, como denunciado pelo ex-ministro Sergio Moro (Justiça e Segurança Pública). 

Na votação desta quarta-feira (27), em Brasília, todos os oito ministros presentes se posicionaram contra a federalização, por entenderem não haver motivos suficientes para a Polícia Federal e a Justiça Federal assumirem a investigação que apura quem mandou matar Marielle Franco e Anderson Gomes.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала