18:14 13 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    1102
    Nos siga no

    O Irã voltará a cumprir os compromissos do acordo nuclear se o presidente eleito dos Estados Unidos Joe Biden fizer o mesmo, afirmou Hassan Rouhani.

    O presidente iraniano Hassan Rouhani declarou que Teerã voltará a observar seus compromissos do acordo nuclear se os EUA retornarem ao cumprimento das normas e resoluções internacionais.

    "Esperamos que aqueles que tomam hoje posse na Casa Branca retornem ao comprimento das leis, aos compromissos e aos esforços, se puderem, para se livrarem de todos os pontos escuros dos quatro anos anteriores, embora alguns permaneçam para sempre na história. Devem retornar às normas e resoluções internacionais, à Resolução 2231. Claro que, se o fizerem, nossa resposta será positiva", disse Rouhani durante a reunião do governo.

    O presidente iraniano afirmou que, se os Estados Unidos demostrarem isso "na prática", o Irã "atuará em conformidade com todos seus compromissos".

    Em 2015 o Irã, China, França, Alemanha, Rússia, Reino Unido, Estados Unidos e União Europeia assinaram o Plano de Ação Conjunta Global (JCPOA, na sigla em inglês), estipulando o cancelamento das sanções internacionais aplicadas a Teerã em troca da redução do programa nuclear iraniano. O acordo foi consagrado na Resolução 2231 do Conselho de Segurança da ONU.

    Em 2018, os EUA saíram unilateralmente do acordo nuclear, voltando a impor sanções ao Irã, às quais este último respondeu abandonando gradualmente seus próprios compromissos estipulados no acordo.

    Em 4 de janeiro de 2021, Teerã anunciou que aumentaria o enriquecimento de urânio para 20%, nível anterior à assinatura do JCPOA, que fixava o percentual máximo deste indicador em 3,67%.

    Mais:

    Irã solicita à Interpol prisão de 4 indivíduos pelo assassinato de cientista nuclear
    Empresário irano-americano é preso por espionagem no Irã, segundo mídia dos EUA
    Kissinger diz que retorno dos EUA ao acordo com Irã 'levaria armas nucleares a todo o Oriente Médio'
    Com nova administração Biden, Irã adota política de 'ação contra ação'
    Nomeada por Biden para chefiar Inteligência Nacional aposta em postura 'agressiva' contra China
    Tags:
    Hassan Rouhani, Joe Biden, acordo nuclear, EUA, programa nuclear, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar