22:54 08 Março 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    0 41
    Nos siga no

    Nesta quarta-feira (20), após duas campanhas presidenciais fracassadas, diversas gafes e acusações de corrupção, Joseph Robinette Biden Jr., vai se tornar o 46º presidente dos EUA.

    A posse de Joe Biden será significativamente diferente das cerimônias de seus antecessores, com alguns dos principais meios de comunicação afirmando que será diferente de qualquer outro evento.

    Desde as celebridades que comparecerão na cerimônia até a segurança e o discurso inaugural, já conhecemos alguns dos detalhes da posse de Biden.

    Apenas congressistas e amigos

    Devido à COVID-19, apenas 1.000 ingressos foram disponibilizados para o evento e todos eles foram fornecidos a congressistas e seus principais amigos.

    Foto de 2010 mostra Hunter Biden (esquerda), filho do ex-vice-presidente Joe Biden (centro), conversando com o ex-presidente Barack Obama durante um jogo de basquete.
    © AP Photo / Nick Wass
    Foto de 2010 mostra Hunter Biden (esquerda), filho do ex-vice-presidente Joe Biden (centro), conversando com o ex-presidente Barack Obama durante um jogo de basquete.

    Não se preocupe, uma multidão de soldados estará presente

    A falta de presença da população será compensada pela multidão de militares, que serão responsáveis pela proteção do presidente, do que eles aparentemente pensam ser um ataque iminente da Rússia, China, Irã, ou do vilão favorito de cada um. Sendo assim, aproximadamente 25.000 soldados da Guarda Nacional cuidarão dos procedimentos de segurança. Este número é cinco vezes maior que as tropas dos EUA no Afeganistão e Iraque.

    Membros da Guarda Nacional dentro do Capitólio dos EUA para reforçar a segurança do edifício, Washington, Estados Unidos, 13 de janeiro de 2021
    © AP Photo / J. Scott Applewhite
    Membros da Guarda Nacional dentro do Capitólio dos EUA para reforçar a segurança do edifício, Washington, Estados Unidos, 13 de janeiro de 2021

    Não me toque!

    Joe Biden gosta de beijar e abraçar as pessoas, contudo, ainda estamos no modo COVID-19, então será necessário o uso de máscaras e distância social. Aqueles que estiverem próximos do presidente e vice-presidente durante o juramento terão de apresentar um teste negativo da COVID-19 com antecedência. Para quem não se lembra, antes da eleição Biden afirmou que não usaria máscara durante a posse.

    O presidente eleito Joe Biden abraça sua neta, em Delaware
    © AFP 2021 / Jim Watson
    O presidente eleito Joe Biden abraça sua neta, em Delaware

    Diga adeus ao desfile inaugural!

    Tanto o desfile inaugural quanto o baile serão realizados digitalmente, segundo a equipe de Joe Biden, contando com apresentações musicais e comentários de Biden e Kamal Harris, no estilo de 2020.

    Banda militar toca em frente à Casa Branca no dia 18 de janeiro de 2021
    © AFP 2021 / Sarah Silbiger
    Banda militar toca em frente à Casa Branca no dia 18 de janeiro de 2021

    Cronograma da cerimônia

    As declarações de abertura estão previstas para as 11h30 (13h30 de Brasília). A seguir, Kamala Harris fará o juramento como vice-presidente dos EUA. Espera-se que Biden tome posse às 12h00 (14h00 de Brasília) na presença do presidente da Corte Suprema, John Roberts, se tornando o 46º presidente dos EUA.

    Presidente eleito Joe Biden e vice-presidente Kamala Harris durante juramento de cargo (foto de arquivo)
    © AP Photo / Kevin Wolf
    Presidente eleito Joe Biden e vice-presidente Kamala Harris durante juramento de cargo (foto de arquivo)

    Discurso de Biden

    O discurso do presidente é considerado sua visão para o país nos próximos quatro anos. Naturalmente, os detalhes sobre o discurso de Biden são mantidos em segredo, mas, dadas as fortes divisões entre o público, o democrata deve muito provavelmente indicar como "derrotar a pandemia, reconstruir e unificar a nação".

    O presidente eleito dos EUA, Joe Biden, durante discurso.
    © REUTERS / Tom Brenner
    O presidente eleito dos EUA, Joe Biden, durante discurso.

    Último trunfo

    A tradição é que o presidente que está deixando o cargo assista à cerimônia solene e acompanhe a posse de seu sucessor. Contudo, Donald Trump não costuma seguir as tradições.

    Trump deve deixar a Casa Branca no início da manhã, para uma possível cerimônia de despedida na Base Aérea de Andrews. Segundo relatos, nesse dia Trump ficará em sua casa na Flórida.

    O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, acena antes de embarcar no Air Force One, avião oficial da Presidência.
    © REUTERS / Carlos Barria
    O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, acena antes de embarcar no Air Force One, avião oficial da Presidência.

    Devemos esperar uma cerimônia entediante?

    A ausência de Trump não tornará o evento um tédio. Como de costume, cantores famosos se apresentarão na posse. Neste ano, a cerimônia contará com Lady Gaga cantando o hino nacional norte-americano. Além dela, Jon Bon Jovi, Bruce Springsteen, John Legend e Jennifer Lopez também deverão participar. A cerimônia contará ainda com celebridades como Tom Hanks, Eva Longoria, John Legend, Kerry Washington e Lin-Manuel Miranda.

    Cantora Lady Gaga durante campanha do democrata Joe Biden, no dia 2 de novembro de 2020
    © AFP 2021 / Jim Watson
    Cantora Lady Gaga durante campanha do democrata Joe Biden, no dia 2 de novembro de 2020

    Mais:

    Joe Biden anuncia pacote econômico de US$ 1,9 trilhão
    Ex-enviado dos EUA para a Síria insta Biden a continuar política de Trump no Oriente Médio
    Trump planeja partir de Washington na manhã do dia da posse de Biden
    Tags:
    Washington, Capitólio, cerimônia de posse, posse, eua, Joe Biden
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar