06:18 15 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    Coronavírus no mundo em meados de dezembro (87)
    0 123
    Nos siga no

    Epidemiologistas na África do Sul identificaram uma nova estirpe do coronavírus que, possivelmente, pode estar relacionada à segunda onda de infecção no país, apesar de as mudanças no comportamento da transmissão ainda não estarem fundamentadas.

    O ministro da Saúde sul-africano, Zweli Mkhize, disse em um comunicado que parece haver uma mudança no quadro epidemiológico da situação – agora há mais pacientes jovens ficando gravemente infectados.

    "Clínicos apresentaram evidência de uma mudança no quadro epidemiológico – em particular, eles observaram que há uma maior proporção de pacientes mais jovens sem comorbidades que se apresentem com doença grave. Assim, a evidência referida sugere que a segunda onda de epidemia que estamos experienciando está sendo movida por esta nova variante [estirpe]", disse Mkhize.

    O presidente do Comitê Consultivo Ministerial para a COVID-19 da África do Sul, Salim Abdool Karim, disse que a estirpe, denominada de variante 501.V2, é uma possível causa da aceleração da transmissão, mas ainda não é certo se a mesma está contribuindo para o aumento do número de óbitos.

    "É ainda bastante cedo, mas nesta fase a informação preliminar sugere que o vírus que está dominando agora a segunda onda [da epidemia] se está propagando mais rápido que o da primeira. Ainda não é certo se a segunda onda tem mais ou menos mortes, ou seja, a severidade [da nova estirpe] anda não está clara. Esperaríamos que fosse um vírus menos agressivo, mas não temos nenhuma prova clara por enquanto. Ainda não tivemos nenhum [grande] alarme relativo ao atual número de mortes", explicou Karim.

    Novas estirpes do SARS-CoV-2, vírus que gera a COVID-19, têm sido descobertas em todo o mundo. Isto representaria más notícias para a África do Sul, sendo este um dos países africanos mais afetados pelo vírus, com cerca de 900 mil casos positivos e, pelo menos, 24.285 mortes registradas.

    Tema:
    Coronavírus no mundo em meados de dezembro (87)

    Mais:

    Festas de estudantes na África do Sul fazem disparar casos de COVID-19
    Agência reguladora dos EUA aprova o uso emergencial da vacina da Moderna contra a COVID-19
    Biden deve ser vacinado contra COVID-19 na próxima segunda-feira (21)
    Tags:
    óbito, infecção, COVID-19, pandemia, África do Sul
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar