02:55 28 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    6212
    Nos siga no

    O Ministério da Defesa da Turquia declarou nesta terça-feira (28) que o país tomará medidas retaliatórias decisivas caso o Exército da Síria ameace seus postos de observação na província síria de Idlib, em meio a um aumento da violência na região.

    Segundo a declaração do ministério, as forças do governo sírio continuam uma ofensiva terrestre e aérea, apesar do cessar-fogo de 12 de janeiro. Além disso, o comunicado acrescenta que a intensificação das hostilidades na região também está causando um êxodo significativo de civis que fogem da região.

    "Qualquer tentativa de pôr em risco a segurança de nossos pontos de observação e controle operando no escopo dos Acordos de Astana e Sochi será respondida da maneira mais forte, sem qualquer hesitação com base no direito de legítima defesa", diz a pasta.

    Nesta terça-feira (28) o Exército da Síria retomaram o controle da cidade estratégica de Maaret al Numan, no sul da província de Idlib.

    O Centro Russo para a Reconciliação Síria anunciou no último sábado que três corredores humanitários foram abertos para prestar assistência àqueles que procuram sair da zona de desescalada de Idlib.

    Mais:

    Exército sírio retoma controle de povoado próximo de Idlib
    Rússia e Turquia chegam a acordo sobre cessar-fogo na cidade síria de Idlib
    Até 40 militares sírios mortos em ataque contra forças do governo sírio em Idlib
    Tags:
    Defesa, segurança, Turquia, Idlib, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar