20:30 31 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    5170
    Nos siga no

    Os militares sírios mataram ou feriram cerca de 30 radicais islâmicos ao repelir seus ataques contra a cidade síria de Jarjanaz, na província de Idlib.

    A informação foi anunciada por Yuri Borenkov, chefe do Centro Russo para a reconciliação Síria.

    "Os terroristas perderam até 30 combatentes entre mortos e feridos", afirmou Borenkov.

    O militar acrescentou que o grupo terrorista Frente al-Nusra, agora conhecido como Hayat Tahrir al Sham (proibido na Rússia), com o apoio da formação chamada Exército Nacional da Síria, atacou as tropas sírias duas vezes em Jarjanaz.

    "Em cada um dos ataques participaram até cem terroristas e entre cinco e seis veículos equipados com armas de grande calibre", afirmou.

    Borenkov também informou que a polícia militar russa continua a patrulhar a fronteira entre a Síria e a Turquia nas províncias de Hasaka e Aleppo.

    A Síria vive um conflito armado interno desde março de 2011, no qual as forças do governo enfrentam grupos armados de oposição e organizações terroristas.

    Tags:
    Frente al-Nusra, Rússia, Idlib, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar