17:18 20 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    361
    Nos siga no

    Uma estátua de bronze saqueada do que hoje é a Nigéria há mais de um século será devolvida, disse a Universidade de Cambridge nesta quinta-feira (28). 

    A Nigéria também anunciou nesta quinta uma campanha para o retorno de artefatos saqueados e contrabandeados do país da África Ocidental, informa a agência de notícias Associated Press.

    A peça foi retirada em 1897 do Tribunal de Benin e entregue à universidade vários anos depois. A estátua foi retirada da exposição ao público em 2016 após protestos de estudantes que acusaram a peça de representar uma narrativa colonial

    "Aqueles que saquearam nossos recursos patrimoniais, especialmente durante as guerras do século 19, ou aqueles que os contrabandearam para fora do país por razões pecuniárias, simplesmente encorajaram o empobrecimento de nossa herança e o roubo de nosso passado'', disse o ministro da Cultura da Nigéria, Alhaji Lai Mohammed.

    O representante do governo nigeriano também afirmou que a peça devolvida é apenas uma "gota no oceano" diante das centenas de itens de bronze tomados de Benin após a ocupação por tropas imperiais britânicas em 1897.

    Mais:

    Economista do Afreximbank: Brasil precisa diversificar relações com a África
    Exercícios militares únicos da Rússia, China e África do Sul assustam Ocidente, segundo analista
    Por que China, Rússia e África do Sul realizam exercícios militares conjuntos?
    'O século XXI é o século da África', afirma economista
    Tags:
    Reino Unido, Nigéria, universidade
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar