14:45 22 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Militares do Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica (CGRI) marcham durante uma parada militar em homenagem à Guerra Irã-Iraque, de 1980-1988

    Líder supremo do Irã incentiva Guarda Revolucionária a criar próprias armas avançadas e modernizadas

    © REUTERS / MORTEZA NIKOUBAZL
    Oriente Médio e África
    URL curta
    2131
    Nos siga no

    O líder supremo iraniano, aiatolá Ali Khamenei, incentivou o Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica do Irã (CGRI) a produzir armamentos durante discurso em Teerã.

    Além de incentivar a invenção e a fabricação de armamentos próprios, Ali Khamenei ressaltou a influência que a política dos Estados Unidos e aliados no Oriente Médio tem tido no CGRI.

    "Hoje, o CGRI é dignificado tanto dentro quanto fora do país, graças a Deus [...]. Com um comportamento violento, agressivo e hostil, os norte-americanos aumentaram a dignidade do CGRI", publicou a fala de Khamenei a agência de notícias iraniana Fars.

    Ainda de acordo com o líder supremo iraniano, o armamento usado pelo órgão deve ser moderno e desenvolvido pelo mesmo.

    "O equipamento militar do CGRI tem que ser avançado e atualizado. O CGRI deve inventar e fabricar seus próprios armamentos", ressaltou o aiatolá durante discurso em uma universidade militar na capital persa.

    O líder também se referiu aos membros da Guarda Revolucionária como sendo "servos de Deus".

    Tensões iraniano-americanas

    A fala de Khamenei prossegue o anúncio do envio de tropas dos Estados Unidos para a Arábia Saudita. Recentemente, as relações entre Riad e Teerã experimentaram altos níveis de tensão.

    De acordo com autoridades sauditas, o Irã estaria envolvido nos ataques a refinarias da Saudi Aramco, realizados ainda em setembro.

    No entanto, segundo Teerã, a ação foi obra dos houthis iemenitas.

    Mais:

    Irã ameaça limitar inspeções da AIEA às suas instalações nucleares
    Irã realiza exercício militar sem aviso prévio perto da fronteira com Turquia, reporta mídia
    Irã poderia ter construído bomba nuclear, mas não o fez, diz aiatolá
    Tags:
    Aiatolá Ali Khamenei, Irã, Corpo dos Guardiões da Revolução Islâmica (CGRI)
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar