05:18 24 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Oceano Ártico

    EUA reconhecem legitimidade do pedido de expansão das fronteiras da Rússia no Ártico

    © flickr.com/ U.S. Geological Survey/ Patrick Kelley, U.S. Coast Guard
    Mundo
    URL curta
    2131

    A política da Rússia no domínio da exploração do Ártico e em termos de possível expansão da plataforma continental está sendo conduzida em conformidade com as normas do direito internacional, declarou nesta sexta-feira, 28, um alto representante do Departamento de Estado dos EUA.

    Ele destacou que pedidos de expansão da plataforma continental também foram apresentados por Dinamarca e Canadá.

    O porta-voz lembrou que o procedimento para apresentação e análise dos pedidos está previsto pela Convenção das Nações Unidas sobre o Direito do Mar, de 1982, que regula a utilização dos oceanos e seus recursos. Neste sentido, o diplomata norte-americano lamentou o fato de os EUA até hoje não terem ratificado este documento, e declarou que o governo continuará instando o Congresso a fazê-lo.

    No início de agosto a Rússia apresentou à ONU um pedido revisado de expansão das fronteiras de sua plataforma continental no Ártico, através da inclusão da dorsal de Lomonosov e outras formações de natureza continental.

    O ministério das Relações Exteriores da Rússia destacou em nota que Moscou esperava ver seu pedido apreciado já no segundo semestre de 2015, mas até o momento o procedimento está programado para o primeiro semestre de 2016.

    Plataforma de petróleo da Shell na ilha Kodiak, no sul do Alasca, em 26 de fevereiro de 2013
    © flickr.com / U.S. Pacific Command
    Desde 2001 a Rússia reivindica a posse de uma rica região em hidrocarbonetos no Ártico, incluindo as dorsais de Lomonosov e Mendeleev. Seu primeiro pedido nesse sentido, no entanto, foi recusado por falta de informações.

    A atual solicitação inclui uma área total da plataforma continental de 1,2 milhão de quilômetro quadrados, que se estende por mais de 350 milhas marítimas a partir da costa. As reservas de hidrocarbonetos existentes nessas regiões são avaliadas em cerca de 4,9 bilhões de toneladas de combustível.

    Mais:

    Ártico é novamente palco de oposição entre Rússia e Dinamarca
    Guerra de declarações: começa a nova batalha pelo Ártico
    Frota do Norte russa está pronta para defender facilidades econômicas no Ártico
    Tags:
    fronteiras, plataforma continental, ONU, EUA, Rússia, Ártico
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik