18:26 24 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Hoje atualizado
    URL curta
    0 161
    Nos siga no

    Bom dia! A Sputnik Brasil acompanha as notícias mais relevantes desta quarta-feira (11), marcada pela polêmica com a vacina CoronaVac, pela aceleração sem precedentes da COVID-19 nos EUA e pela consolidação da missão de paz russa em Nagorno-Karabakh.

    Comitê Independente pede retomada de testes da vacina CoronaVac

    Nesta terça-feira (11), o Comitê Internacional Independente, que acompanha os testes da vacina CoronaVac, recomendou em parecer a retomada dos testes no Brasil. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) suspendeu os testes da vacina por "evento adverso grave", que teria sido o suicídio de um dos participantes dos testes, conforme reportou a TV Cultura. A Anvisa confirmou em nota o recebimento dos documentos enviados pelo comitê, dizendo que se encontram "sob análise".

    • Após 5 dias de problemas no sistema de dados Sivep-Gripe do Ministério da Saúde, 14 estados registraram dificuldades de acessar dados e três estados (SP, MG e RJ) continuam sem divulgar número de mortes por COVID-19. Nesse contexto, o Brasil registrou mais 204 mortes e 25.517 casos de COVID-19, totalizando 162.842 óbitos e 5.701.283 diagnósticos, informou consórcio entre secretarias estaduais de saúde e veículos de imprensa.
    Diretor do Instituto Butantan, Dimas Tadeu Covas, durante coletiva de imprensa sobre a vacina CoronaVac, em São Paulo, 10 de novembro de 2020
    © REUTERS / Amanda Perobelli
    Diretor do Instituto Butantan, Dimas Tadeu Covas, durante coletiva de imprensa sobre a vacina CoronaVac, em São Paulo, 10 de novembro de 2020

    Procurador pede afastamento de governador do Pará

    Nesta terça-feira, o procurador-geral de Justiça do Ministério Público do Pará, Gilberto Valente Martins, solicitou o afastamento do governador do estado, Helder Barbalho (MDB). O governador é acusado de participar de esquema de corrupção para compra de respiradores, em meio à pandemia de COVID-19. De acordo com a procuradoria, o esquema teria fraudado a compra de 400 ventiladores que não funcionam e que custaram R$ 50 milhões aos cofres públicos. O pedido de afastamento foi protocolado e aguarda decisão do juiz da 1ª Vara da Fazenda da Capital.

    Menina segura vela em cemitério de Belém, no estado do Pará, 2 de novembro de 2020
    © AFP 2020 / Tarso Sarraf
    Menina segura vela em cemitério de Belém, no estado do Pará, 2 de novembro de 2020

    EUA: Biden consolida equipe de transição, mas controle do Senado ainda é incógnita

    Nesta terça-feira (10), o provável vencedor das eleições dos EUA, Joe Biden, consolidou a formação de sua equipe de transição e garantiu que "nada vai interromper" sua posse em 20 de janeiro. Para Biden, a recusa de Donald Trump de reconhecer sua derrota eleitoral é uma "vergonha". No entanto, 68% dos republicanos estão convencidos de que as eleições presidenciais de 2020 não foram justas ou livres, revelou pesquisa do portal Politico/Morning Consult. Enquanto a formação do Senado continua indefinida, a apuração aponta manutenção e maioria democrata na Câmara baixa do Congresso dos EUA. A deputada democrata, Nancy Pelosi, anunciou que vai concorrer a mais um mandato como líder da casa.

    Apoiador do presidente norte-americano, Donald Trump, durante ato que contesta a apuração de votos nas eleições norte-americanas, em Phoenix, Arizona, EUA, 9 de novembro de 2020
    © REUTERS / Jim Urquhart
    Apoiador do presidente norte-americano, Donald Trump, durante ato que contesta a apuração de votos nas eleições norte-americanas, em Phoenix, Arizona, EUA, 9 de novembro de 2020

    EUA reportam mais de 100 mil casos diários de COVID-19 por 7 dias seguidos

    Nesta terça-feira (10), os EUA reportaram mais de 100 mil casos diários de COVID-19 pelo sétimo dia seguido, informou a Reuters. A média de diagnósticos diários é de 120 mil e a de número de mortes atinge 1.400. Hospitalizações também aumentam rapidamente, com 61.471 registradas até a noite de terça-feira (10), o maior nível registrado desde o início da pandemia. Os estados mais atingidos do país são Texas, Illinois, Dakota do Sul, Ohio e Utah.

    Mulher realiza teste de COVID-19 em Staten Island, Nova York, EUA, 10 de novembro de 2020
    © REUTERS / Brendan McDermid
    Mulher realiza teste de COVID-19 em Staten Island, Nova York, EUA, 10 de novembro de 2020

    'É a melhor opção', diz ministro armênio sobre missão de paz russa em Nagorno-Karabakh

    Nesta quarta-feira (11), o ministro da Defesa da Armênia, David Tonoyan, disse que "a mobilização de missão de paz russa [na região contestada de Nagorno-Karabakh] é a melhor opção". "Agradecemos à Rússia pela assistência", afirmou Tonoyan a canal de TV armênio. O ministério da Defesa russo informou que 12 aeronaves Il-76 com cerca de 200 oficiais e soldados, além de blindados e equipamentos destinados à missão de paz, já foram enviadas para a Armênia. Apesar do cessar-fogo em Nagorno-Karabakh, crise política pode eclodir na Armênia, onde parte da população expressa frustração com o primeiro-ministro, Nikol Pashinyan, pelo o que alguns acreditam ter sido uma derrota militar para o Azerbaijão na região contestada.

    Blindado da missão de paz russa na região contestada de Nagorno-Karabakh, 10 de novembro de 2020
    © REUTERS / Francesco Brembati
    Blindado da missão de paz russa na região contestada de Nagorno-Karabakh, 10 de novembro de 2020

    Chefe da inteligência sul-coreana quer encontro com EUA, Japão e Coreia do Norte

    Nesta quarta-feira (11), o chefe da inteligência da Coreia do Sul, Park Jie-won, propôs encontro com EUA, Japão e Coreia do Norte, a ser realizado durante as Olimpíadas de Tóquio, informou o jornal Chosun Ilbo. A proposta foi feita durante encontro com o primeiro-ministro do Japão, Yoshihide Suga, realizado hoje (11), em Tóquio. "As Olimpíadas podem nos dar a chance de resolver o assunto bilateral dos trabalhos forçados e assuntos regionais, como o programa nuclear norte-coreano", disse Park. A agenda do encontro poderá incluir o retorno de cidadãos japoneses detidos na Coreia do Norte.

    Mais:

    Em indireta a Biden, Bolsonaro diz que só 'diplomacia não dá' e que país 'tem que ter pólvora'
    Tags:
    Nagorno-Karabakh, Olimpíadas, Japão, Joe Biden, EUA, pandemia, Vacina CoronaVac, COVID-19, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar