05:03 15 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    142
    Nos siga no

    Estudos estimam que 650 mil pessoas sejam evangélicas praticantes regulares, número multiplicado por dez desde 1950. Em comparação, os muçulmanos na França são entre quatro milhões e cinco milhões, enquanto 30 milhões de franceses se dizem católicos.

    A imprensa na França está impressionada com os recentes estudos sobre a difusão de igrejas neopentecostais no país. De acordo com uma publicação do jornal La Croix nesta quarta-feira (20), o número de evangélicos na França pode ser de um milhão de pessoas. 

    "Sua impressionante vitalidade fascina, intriga, às vezes preocupa. Na França, os evangélicos continuam a abrir igrejas", diz a publicação.

    Nos principais subúrbios parisienses, o jornal explica que florescem essas igrejas. A reportagem aponta que essas múltiplas denominações apareceram após o que chamam de o "despertar" na América do Norte: batistas, assembleias, metodistas.

    O jornal destaca que os pentecostais e neopentecostais são as correntes de maior expansão na França, onde estão presentes há 30 anos, principalmente entre as igrejas da imigração africana.

    Dados da World Horizons Brasil revelam que, entre 1970 e 2000, uma nova igreja nasceu a cada dez dias. O objetivo, diz a entidade, é conseguir uma igreja para cada 10.000 habitantes, o que é o triplo do número de igrejas atualmente.

    "No ritmo de crescimento atual, levaremos cerca de 122 anos para chegar a este número, mas se cada igreja existente comprometer-se a reproduzir, ou seja, plantar uma nova igreja, o objetivo poderia ser alcançado em apenas 16 anos", diz a entidade.

    Estima-se que 650 mil pessoas sejam evangélicos praticantes regulares. As igrejas evangélicas também se espalham pelas redes sociais. São mais de 2.200 igrejas registradas e, a cada ano, 35 novos estabelecimentos são criados, tornando o fenômeno cada vez mais visível, principalmente nos arredores de Paris.

    O jornal constatou que mais que uma "hipotética influência política", como em certos países do continente americano, as igrejas evangélicas na França se destacam principalmente pelo impacto social, com pouca divulgação, de solidariedade entre os fiéis originários de imigrações recentes.

    Mulher olha para a entrada da Basílica de Notre-Dame, em Nice, França, 30 de outubro de 2020.
    © AP Photo / Daniel Cole
    Mulher olha para a entrada da Basílica de Notre-Dame, em Nice, França, 30 de outubro de 2020

    Mais:

    Igrejas de toda a França tocam sinos em solidariedade ao incêndio de Notre-Dame
    Diplomacia brasileira ajuda evangélicos a 'conquistar novo mercado de fiéis' na África, diz analista
    Datafolha: 50% dos brasileiros são católicos e 31% evangélicos
    Tags:
    Vítimas da Intolerância, intolerância religiosa, religião, Bancada Evangélica, evangélicos, França, França
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar