13:02 21 Janeiro 2021
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    0 72
    Nos siga no

    Três membros da Gendarmaria (polícia militar) foram mortos e um quarto foi ferido por um desconhecido em uma localidade isolada na França.

    Segundo notícias, os policiais, que estavam respondendo a uma chamada de violência doméstica, foram baleados por um homem de 48 anos enquanto tentavam resgatar uma mulher perto de Saint-Just (Puy-de-Dôme) na terça-feira (23) à noite, de acordo com o canal BFMTV.

    Os gendarmes teriam sido alvos de tiros depois de tentarem se aproximar da casa onde uma mulher tinha sido levada como refém, de acordo com relatos.

    Um deles não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo, enquanto o segundo foi transportado para o centro hospitalar de Ambert após ser ferido na coxa.

    Depois de incendiar a casa, o homem disparou mais uma vez contra os policiais presentes nas proximidades, levando a mais duas vítimas, disse a promotoria da cidade de Clermont-Ferrand, ao detalhar que a mulher pode ter sido resgatada.

    "Pelo menos sete membros do GIGN [Grupo de Intervenção da Gendarmaria Nacional] estão no local. Estão sendo tomadas as maiores precauções relativamente ao perigo apresentado pelo indivíduo", informou uma fonte próxima à investigação.

    O ministro do Interior francês Gérald Darmanin relatou que o homem que disparou nos gendarmes foi encontrado morto.

    O fanático foi encontrado morto. Estou a caminho do local.

    Emmanuel Macron, presidente da França, também reagiu no Twitter, elogiando os policiais que participaram da operação.

    ​Eles intervieram para socorrer uma mulher vítima de violência doméstica em Puy-de-Dôme. Três gendarmes foram mortos e um quarto foi ferido. A nação se une à dor das famílias. Nossas forças agem com risco de vida para nos proteger. Eles são nossos heróis.

    Mais:

    Polícia francesa prende ativistas de extrema esquerda que planejavam realizar ataques pelo país
    Mais 4 estudantes entre 13 e 14 anos são acusados no caso de decapitação de professor francês
    O que se sabe sobre o terrorista em Nice?
    Tags:
    Gendarmaria Nacional, França
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar