20:48 22 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    Coronavírus no mundo em meados de dezembro (87)
    0 30
    Nos siga no

    O presidente da França, Emmanuel Macron, participou por vídeo da Conferência Nacional Humanitária, poucas horas após o anúncio de seu diagnóstico positivo para COVID-19.

    O Presidente da França, de máscara e com camisa de gola alta, fez o discurso de encerramento do evento, realizado no Quai d'Orsay na tarde desta quinta-feira (17), segundo publicou a Reuters.

    De acordo com seu escritório, Macron foi "muito provavelmente" infectado com COVID-19 durante a realização do Conselho da União Europeia (UE) na semana passada.

    Após o teste positivo para COVID-19, Macron ficará em isolamento durante sete dias, exercendo as funções presidenciais a distância, conforme revelou a assessoria de imprensa da presidência francesa.

    AO VIVO | Conclusão da Conferência Nacional Humanitária.​

    "Em concordância com os regulamentos de saúde vigentes aplicáveis a todos, o presidente vai se isolar durante sete dias, continuando a trabalhar remotamente", diz o comunicado do governo.

    Logo depois de ser anunciado o teste positivo de Macron, o primeiro-ministro da França, Jean Castex, também disse que vai ficar em isolamento.

    O gabinete presidencial está agora identificando quem pode ter entrado em contato com Macron antes do resultado positivo de seu teste para COVID-19.

    Tema:
    Coronavírus no mundo em meados de dezembro (87)

    Mais:

    Macron: 'Imagens de homem negro sendo espancado pela polícia de Paris são vergonhosas'
    Presidente da Turquia diz esperar que França se livre do 'problema' de Macron o mais rápido possível
    Presidente francês Emmanuel Macron testa positivo para a COVID-19, diz Elysée
    Tags:
    isolamento, novo coronavírus, COVID-19, doença, saúde, Emmanuel Macron, presidente, governo, França
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar