21:04 01 Junho 2020
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    Atentado em feira natalina em Berlim (17)
    0 21
    Nos siga no

    A polícia turca prendeu o segundo cidadão alemão de origem jordaniana, que está sob suspeita de ter dado a ordem para realizar o ataque terrorista em dezembro em Berlim, informa o jornal Hurriet.

    De acordo com os agentes, o suspeito é um membro do Daesh (autoproclamado Estado Islâmico, banido na Rússia e em outros países), as suas iniciais são: W. D. e ele foi preso na cidade turca de Izmir.

    Anteriormente, informações davam conta de que a Turquia havia prendido outro membro da Daesh relacionado com a execução do ataque em Berlim, Anis Amri.

    Desse outro suposto suspeito, também cidadão alemão de origem jordaniana, nem o nome foi dito, apenas as iniciais: M.A.K. 

    Na noite de 19 de dezembro, um caminhão atingiu uma multidão reunida em uma feira de Natal no centro da capital alemã. O suposto autor do ataque, Anis Amri, foi morto em 23 de dezembro pela polícia durante uma verificação de rotina em Milão, Itália.

    Após o ataque a polícia desencadeou uma série de grandes operações anti-terroristas na Alemanha. No carro do terrorista foram encontrados cinco nomes de supostos cúmplices de ataque. Os investigadores descobriram que quatro dos cinco suspeitos estavam escondidos na Turquia.

    Tema:
    Atentado em feira natalina em Berlim (17)

    Mais:

    Berlim amanhece depois do atentado (VÍDEO)
    Daesh assume autoria pelo atentado com caminhão em Berlim
    Tags:
    Estado Islâmico, Daesh, Anis Amri, Rússia, Itália, Milão, Alemanha, Turquia, Berlim, Izmir
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar