Vice-premiê tcheco culpa Merkel pelo atentado em Berlim

© AFP 2022 / Fredrik von ErichsenAngela Merkel, chanceler da Alemanha
Angela Merkel, chanceler da Alemanha - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O vice-primeiro-ministro e líder do mais popular movimento político da República Tcheca ANO, Andrej Babis, declarou hoje (20), em entrevista portal Parlamentní Listy, que a polícia de migração da chanceler alemã Angela Merkel é responsável pelo atentado terrorista que aconteceu no início dessa semana em Berlim.

Na noite de segunda-feira (19), um caminhão conduzido por um homem ainda não identificado avançou sobre uma multidão de pessoas numa feira natalina na capital da Alemanha, matando 12 pessoas e deixando outras 48 feridas. A autoria pelo ataque foi reivindicada hoje pelo grupo terrorista Daesh (Estado Islâmico – proibido na Rússia e em diversos países).

"Na minha opinião, a culpa por esse fato assustador recai sobre a política de migração da chanceler alemã Angela Merkel. Foi ela que permitiu a entrada de migrantes em ondas descontroladas na Alemanha e na Europa como um todo – sem documentos, sem que ninguém saiba quem eles são realmente. A Alemanha paga um preço alto por isso – esse não é de longe o primeiro ataque de terroristas contra os alemães em seu próprio país", disse Babis.

Atentado em Berlim, 19 de desembro de 2016 - Sputnik Brasil
Detalhes da tragédia na feira natalina em Berlim
Nas sua opinião, os políticos da Alemanha e da União Europeia precisam finalmente reconhecer que o fluxo de refugiados deve ser interrompido antes mesmo de sua chegada ao território europeu e precisam parar de ser politicamente corretos em detrimento da segurança dos alemães e de cidadãos de outros países europeus.

"A solução para a situação está no estabelecimento de paz na Síria e no retorno dos migrantes aos seus países de origem. Não há lugar para eles na Europa. Eles devem esperar nos acampamentos para refugiados na Turquia. A migração da África deve ser interrompida na Líbia e é preciso negociar um apoio financeiro aos países de onde as pessoas fogem, para que elas fiquem em casa", explicou o vice-premiê tcheco.

 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала