13:06 23 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Europa
    URL curta
    1150
    Nos siga no

    Os residentes da Crimeia pediram aos países ocidentais para conterem as intenções ucranianas de desencadear um conflito na fronteira com a Crimeia.

    Esse comentário foi feito por Ruslan Balbek, deputado da Duma de Estado (câmara baixa do parlamento russo) pela Crimeia e ex-vice-primeiro-ministro da República da Crimeia.

    No dia 1 de fevereiro, o Ministério da Defesa russo apresentou uma nota de protesto ao adido militar da Embaixada da Ucrânia após a aproximação perigosa a baixa altitude de um avião ucraniano An-26 das torres de perfuração russas Tavrida e Krym-2.

    "O Ocidente deveria dar conta do caráter perigoso de tais políticas e refrear o regime de Kiev que provoca intencionalmente conflitos na fronteira com a Rússia e recorre à chantagem para obter novos créditos", assinalou Balbek.

    Anteriormente, o porta-voz do presidente ucraniano, Svyatoslav Tsegolko tinha anunciado que contra o avião foi aberto fogo de arma leve a partir das torres. Mais tarde essas informações foram desmentidas pelo Estado-Maior da Frota do Mar Negro da Rússia que qualificou de provocatória a aproximação do An-26. Ao se aproximar o avião pela segunda vez, um guarda da plataforma de perfuração acionou por quatro vezes sua pistola de sinalização para prevenir colisão entre a torre e a aeronave.

    Mais:

    Kremlin responde à proposta de trocar Donbass pela Crimeia
    Deputada ucraniana propõe 'ceder' Crimeia para Rússia em troca de Donbass
    Tags:
    Crimeia, Rússia, Kiev, Ministério da Defesa (Rússia), Frota do Mar Negro, An-26, aproximação, provocação, torre, plataforma, perfuração, avião
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar