09:20 11 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Economia
    URL curta
    2100
    Nos siga no

    A renomada agência de classificação de risco Fitch Solutions projetou que a Rússia aumentará sua produção e reservas de ouro à medida que as sanções dos EUA forem aumentando.

    Essa tendência levará a que o crescimento da produção russa de ouro permita superar a da China dentro de uma década, esclareceu a empresa provedora líder de mercado de soluções de crédito.

    "O risco crescente de os bancos estatais russos tenham congelada sua negociação de todos os ativos denominados em dólares, à medida que as relações bilaterais permanecem tensas, está pressionando o Banco Central russo a aumentar suas reservas de ouro. Enquanto as tensões com os EUA persistirem, a demanda doméstica por ouro deve permanecer", afirma o relatório.

    Segundo a Fitch, a produção de ouro da Rússia aumentará de 11,3 milhões de onças em 2020 para 15,5 milhões de onças em 2029, o que significaria um aumento de 3,7% anualmente. Isso significa que Moscou representaria 11,6% da produção global de ouro, contra os 10,6% atuais.

    Barras de ouro (imagem de arquivo)
    Barras de ouro (imagem de arquivo)

    Já em relação à China, a agência disse que a produção de ouro foi desafiada pelas rígidas regulamentações ambientais sobre resíduos sólidos provenientes da prospecção de ouro, que levaram a uma onda de fechamento de minas de ouro e a quedas de produção nas principais províncias produtoras. Além disso, anos de intensa mineração de ouro também resultaram em queda de reservas e paragem da produção em várias áreas.

    Entre o atual ano e 2029, a Fitch espera que a produção de ouro de Pequim fique estagnada, crescendo 0,2% em média anualmente.

    "Isso marca uma desaceleração notável em comparação com o crescimento médio anual de 3,1% nos dez anos anteriores. No entanto, o país continuará a ser o maior produtor global de minério de ouro por uma margem significativa", diz o relatório, apontando que o aumento do investimento da China em minas de ouro estrangeiras ajudará o país a preservar seu status de maior produtor.

    No geral, o crescimento global da produção das minas de ouro deverá se recuperar nos próximos anos devido aos preços mais altos do ouro e às fusões entre as principais empresas de mineração, explica a Fitch.

    Mais:

    Rússia está interessada em adquirir ouro na América Latina
    Corrida ao ouro dos gigantes financeiros: pânico ou porto seguro?
    Rússia está tentando salvar mercado mundial de ouro em meio à pandemia
    Tags:
    Fitch Ratings, China, Rússia, mina de ouro, ouro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar