15:56 31 Julho 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    10522
    Nos siga no

    Presidente da Rússia Vladimir Putin informou que em breve o Exército será equipado com novos tipos de armamentos.

    Ele recordou que os sistemas hipersônicos Avangard e Kinzhal já foram colocados em serviço.

    "Estão a caminho outros sistemas de armas únicos, incluindo o míssil balístico intercontinental Sarmat, o míssil hipersônico naval Tsirkon, os sistemas antiaéreos S-500 Prometei e outros sistemas", afirmou o líder russo.

    Putin acrescentou que está sendo formado um novo programa estatal de armamento com um horizonte de planejamento até 2034 e que terá em conta os desenvolvimentos tecnológicos promissores dos principais escritórios de projetos e instituições de defesa.

    "Sua implementação terá como objetivo a continuidade do reforço do potencial de defesa do país. E, claro, vocês vão ter que trabalhar com esses equipamentos", ressaltou o presidente em seu encontro com graduados do ensino superior militar.
    Sistema de mísseis estratégico Sarmat
    © Sputnik / Aleksandr Vilf
    Sistema de mísseis estratégico Sarmat

    O RS-28 Sarmat é um avançado sistema russo com um míssil balístico intercontinental de combustível líquido pesado. O peso total do míssil é de cerca de 200 toneladas e ele tem um alcance máximo de 18 mil quilômetros.

    O Avangard é capaz de voar nas camadas densas da atmosfera a distâncias intercontinentais, atingindo Mach 20, ou seja, uma velocidade 20 vezes superior à do som (24.500 km/h).

    Ao se aproximar do alvo, o bloco planador efetua manobras profundas, de várias dezenas de milhares de quilômetros, tanto laterais, como em altitude. Tal característica torna-o uma arma invulnerável para qualquer meio de defesa antiaérea ou antimíssil.

    Mais:

    Analista explica como mísseis russos 'invulneráveis' podem romper defesa antiaérea dos EUA
    Rússia desenvolve novas armas a laser para derrubar drones
    Novos sistemas a laser russos reduzirão a zero o fator de superioridade de drones, diz especialista
    Tags:
    Vladimir Putin, míssil balístico intercontinental, S-500, sistema antiaéreo
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar