19:12 24 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    2468
    Nos siga no

    Nos últimos meses, forças controladas pelo Irã, usando drones de combate, atacaram em várias ocasiões bases no Iraque, incluindo aquelas que são usadas por militares dos EUA, informa o jornal The New York Times.

    De acordo com a publicação, foi possível recuperar parcialmente os destroços dos veículos aéreos não tripulados que realizaram esses ataques. As análises mostraram que os drones foram produzidos no Irã ou com o auxílio de tecnologia fornecida pelo Irã.

    Entre as incursões nas quais drones iranianos poderiam ter estado envolvidos, o jornal cita o ataque contra o aeroporto de Arbil, onde se encontra um hangar da CIA, ocorrido em 14 de abril, e a investida em 8 de maio contra a base aérea de Ain Al-Asad, localizada na província iraquiana de Anbar, bem como contra a base no norte de Arbil, usada pelo Comando Conjunto de Operações Especiais dos EUA.

    As forças e instalações americanas no Iraque são alvos constantes de ataques, sendo o alvo mais frequente a Embaixada dos EUA, localizada dentro da chamada Zona Verde, uma área do centro de Bagdá que inclui vários edifícios governamentais e diplomáticos.

    Soldados dos EUA em meio a danos no local de bombardeio iraniano na base aérea de Ain Al-Asad, em Anbar, Iraque, 13 de janeiro de 2020
    © AP Photo / Qassim Abdul-Zahra
    Soldados dos EUA em meio a danos no local de bombardeio iraniano na base aérea de Ain Al-Asad, em Anbar, Iraque, 13 de janeiro de 2020

    Nos últimos meses, a coalizão internacional liderada pelos Estados Unidos entregou aos militares iraquianos uma série de instalações onde os militares americanos haviam estado anteriormente estacionados, incluindo várias bases aéreas e a sede dos conselheiros militares da coalizão.

    No início de abril, Washington e Bagdá confirmaram a retirada total das tropas norte-americanas instaladas no Iraque para lutar contra o Daesh (organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países).

    As únicas forças estrangeiras que permanecerão no território iraquiano serão utilizadas para tarefas de aconselhamento às forças iraquianas.

    Mais:

    Maior base militar dos EUA no Afeganistão será entregue às forças afegãs, diz mídia
    Base aérea iraquiana que abriga forças dos EUA é atingida por pelo menos 3 foguetes, diz mídia
    Especialistas dos EUA apontam fragilidades das bases norte-americanas pelo mundo afora
    Tags:
    base aérea, EUA, drones, Irã, Iraque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar