01:51 26 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    3330
    Nos siga no

    Enquanto o Irã avança no desenvolvimento e produção de armamentos, o vice-ministro da Defesa do país afirmou que o Irã pode entrar para a lista dos maiores exportadores de armas, publicou mídia.

    Ontem (22), o Irã testou pela primeira vez em exercício o que pode ser seu mais avançado sistema de defesa antiaérea, o Bavar-373.

    O episódio se deu depois que o embargo de armas da ONU expirou no último domingo (18), após longos anos de proibições de aquisição e venda de produtos de defesa.

    Comentando tal fato, o general-de-brigada Ami Mohammad Ahadi, vice-ministro da Defesa do Irã para as relações exteriores, declarou, segundo publicação da agência Mehr, que seu país pode entrar para a lista dos dez maiores fornecedores de equipamentos de defesa do mundo.

    "O fim de tais sanções criará uma nova oportunidade para a República Islâmica do Irã no campo dos armamentos e diplomacia", declarou o general.

    Além disso, Ahadi afirmou que as sanções acabaram por criar condições favoráveis para que o Irã pudesse desenvolver seus próprios produtos de defesa.

    "Uma das principais razões pelas quais a indústria de defesa é tão orgulhosa de sua competência no mundo em termos de capacidade, conhecimento, tecnologia e indústria está relacionada às sanções. As sanções abriram caminhos convenientes para que o país transformasse as ameaças em oportunidades para defender a segurança do país", acrescentou.

    Outro fator ressaltado por Ahadi foi a universalidade dos avanços em defesa do Irã.

    "No campo das armas e de equipamentos militares em todas as áreas de combate, combate terrestre, mísseis aéreos, radares e área naval, temos produtos de classe mundial. Produtos que são atrativos para o mundo. Nos últimos anos, em particular no ano passado, não esperamos pelo fim das sanções, e o fortalecimento da defesa do Irã continuou com força", explicou.

    Mais:

    Irã realiza exercícios militares massivos de defesa antiaérea em grande parte do país (VÍDEO)
    Irã afirma ter acordos com Rússia para desenvolvimento de sistemas de sua Força Aeroespacial
    Debate nos EUA: Biden diz que Rússia e Irã pagarão por 'interferência' em eleições americanas
    Tags:
    indústria de defesa, indústria militar, sanções, Defesa, Exército, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar