07:06 18 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    1301
    Nos siga no

    Pelo menos um submarino Fateh, uma nova classe de submarinos desenvolvidos no Irã, apareceu em um vídeo feito durante o exercício militar Zolfaghar 99, segundo especialista militar.

    Durante as manobras, que decorreram entre os dias 10 e 12 deste mês, os militares iranianos dispararam diferentes mísseis com o intuito de aprimorar as capacidades defensivas do país em caso de invasão ou agressão estrangeira.

    As manobras contaram com grande número de veículos militares de origem soviética e norte-americana, adquiridos pelo país no passado, bem como de mísseis de cruzeiro de fabricação nacional.

    Para além disso, segundo aponta o especialista militar da revista Forbes, H. I. Sutton, o novo submarino iraniano Fateh teve no Zolfaghar 99 sua primeira participação em um exercício militar.

    Submarino da classe Fateh do Irã de produção nacional fez sua primeira aparição em um exercício militar hoje [10], mas só teve dois segundos de filmagem em uma reportagem de mais de quatro minutos em um canal de TV estatal.

    De acordo com o especialista, a participação do Fateh na simulação de guerra indica que o submarino está sendo lentamente incorporado à força avançada da Marinha do Irã.

    "Embora o submarino seja relativamente básico, isso coloca o Irã legitimamente na lista de países construtores de submarinos. O programa de construção de submarinos do Irã entrou na idade adulta", afirmou Sutton.

    O comprimento da embarcação é de aproximadamente 50 metros, enquanto sua largura é cerca de quatro metros. O submarino teria sido projetado para realizar missões de patrulha.

    O armamento do Fateh é composto por torpedos pesados antinavio YT-534-UW1, versão melhorada do torpedo norte-coreano PT-97W, para além de mísseis antinavio Jask-2. Como comparação, acredita-se que o submarino pode carregar até seis armas a bordo, três vezes mais do que a classe de submarinos Ghadirs.

    Por sua vez, a agência chinesa Xinhua, citando o contra-almirante iraniano Hossein Khanzadi, informou que o alcance dos mísseis Jask-2 foi aumentado pelos engenheiros persas.

    Contudo, não foram dados detalhes sobre tal aprimoramento.

    Mais:

    Venezuela possui submarino secreto que poderia sabotar interesses dos EUA no Caribe, diz Forbes
    Misteriosas FOTOS mostram menor embarcação da Marinha dos EUA afundada por submarino
    Capitão sobre submarino russo perto do Alasca: 'Há sempre exercícios sendo realizados'
    Tags:
    indústria militar, tecnologia, exercício militar, submarino, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar