20:00 25 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    0 21
    Nos siga no

    Senadores democratas e republicanos apresentaram projeto conjunto para proibir a venda de drones bélicos dos EUA para países que não são aliados próximos de Washington.

    O projeto é assinado pelos senadores Chris Murphy, Mike Lee, Bernie Sanders, Rand Paul e Chris Coons e busca barrar a venda para "países não estreitamente aliados dos Estados Unidos", afirmou o grupo em comunicado. 

    Murphy disse que uma das principais intenções da medida é impedir que o governo de Donald Trump "passe um cheque em branco" para países como a Arábia Saudita.

    O projeto quer proibir a venda de drones com alcance superior a 300 quilômetros ou carga útil superior a 500 quilos. A comercialização para países da OTAN, além da Austrália, Nova Zelândia, Coréia do Sul, Japão e Israel não será limitada pela iniciativa

    Em maio de 2019, Trump declarou emergência nacional para barrar uma decisão do Congresso e efetivar uma venda de armas de US$ 8 bilhões (R$ 42,7 bilhões) para a Arábia Saudita e os Emirados Árabes Unidos.

    Mais:

    Programa DARPA dos EUA procura 'perfurar' tanques russos com uso de drones
    Irã revela capacidades de novo míssil ar-terra para drones
    Drones de reconhecimento russos Forpost ajudam aviação naval a 'caçar' alvos marítimos
    Para se proteger da China, Taiwan negocia compra de drones dos EUA, diz agência
    Tags:
    aliado, Senado dos EUA, Estados Unidos, drone
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar