14:13 10 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Míssil balístico indiano Agni-II (imagem referencial)

    'Prontos para disparar a qualquer hora': Índia testa míssil balístico com capacidade nuclear (VÍDEO)

    © AP Photo / Ajit Kumar
    Defesa
    URL curta
    0 75
    Nos siga no

    O Comando das Forças Estratégicas da Índia realizou testes de dois mísseis balísticos de curto alcance capazes de levar ogivas nucleares no âmbito de exercícios realizados anualmente.

    Os dois mísseis Prithvi-II foram lançados a partir do Campo de Testes Integrado na ilha Adbul Kalam, ao largo da costa do estado de Odisha, na noite de quarta-feira (20) durante uma prova de prontidão das forças de mísseis indianas, informaram fontes governamentais à mídia local.

    "Ambos os testes corresponderam a todos os parâmetros", afirmou um oficial do centro de testes de mísseis, acrescentando que "a trajetória dos mísseis foi rastreada por radares, sistemas de rastreamento eletro-ópticos e estações de telemetria usados pela Organização da Pesquisa e Desenvolvimento da Defesa".

    "Os testes comprovaram a fiabilidade do armamento, voltando a confirmar a sua prontidão operacional. O Exército está agora pronto para disparar o míssil a qualquer hora e em qualquer terreno de imediato", ressaltou outro responsável da defesa, citado pelo The News Indian Express.

    Os mísseis indianos superfície-superfície têm alcance de 350 quilômetros com capacidade de carga útil de até 1.000 quilogramas.

    Anteriormente a Índia realizou com sucesso o lançamento de outro míssil balístico com capacidade nuclear, o Agni-II de médio alcance.

    Recentemente, o ministro da Defesa da Índia, Rajnath Singh, avisou em meio a tensões com o Paquistão que a conduta de Nova Deli, que tem seguido com cautela uma política de não ser a primeira a usar armas nucleares, agora "depende das circunstâncias".

    Mais:

    Guerra nuclear entre Índia e Paquistão pode matar 100 milhões e teria impacto global
    Índia admite ter derrubado próprio helicóptero Mi-17 ao combater Paquistão
    Quem apoiar Índia em Caxemira será alvo de mísseis paquistaneses, ameaça ministro do Paquistão
    Tags:
    tensão militar, corrida armamentista, Paquistão, Índia, potencial nuclear, míssil balístico
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar