03:44 30 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    130
    Nos siga no

    O fabricante do módulo B330 assegura que garantir o suporte de vida de quatro astronautas durante tempo indeterminado e de 5 astronautas durante muitos meses.

    A NASA começou a realização de testes em terra do módulo B330, protótipo de um habitat inflável para astronautas desenvolvido pela empresa Bigelow Aerospace.

    Os ensaios começaram no passado dia 12 de setembro na sede da companhia e visam durar duas semanas.

    NASA testa o Habitat Espacial Inflável Gigante da Bigelow Aerospace

    De acordo com o portal Space, 8 astronautas da NASA participaram dos testes nesta sexta-feira, enquanto outros 4 avaliaram vários aspectos deste volumoso módulo expansível no dia anterior.

    Qual é o propósito deste módulo?

    O B330 foi desenvolvido para ser uma estação espacial independente, sendo que terá seus próprios sistemas de suporte de vida e de propulsão.

    O nome do módulo provém dos 330 metros cúbicos do seu volume interno. Em comparação, o volume pressurizado da Estação Espacial Internacional é de aproximadamente 930 metros cúbicos.

    Aqui está uma vista por dentro do módulo de teste B330.

    De acordo com o fundador e presidente de Bigelow Aerospace, Robert Bigwelow, o B330 foi desenvolvido para garantir o suporte vital "de quatro pessoas indefinidamente e de cinco durante muitos meses".

    O B330 é um habitat expansível, sendo que antes do lançamento ficará comprimido até caber dentro de um espaço de 5 metros. Depois de chegar ao espaço, o módulo será inflado graças aos cilindros de gás a bordo.

    A Bigelow espera que a NASA acabe por selecionar o B330 para utilizá-lo como a primeira estação lunar, Gateway, que a agência espacial planeja começar a instalar em 2022.

    Mais:

    Base da NASA na órbita lunar pode ser construída com ajuda de foguetes russos
    Confira infinidade da nossa galáxia nas últimas FOTOS do telescópio Kepler
    Tags:
    espaço distante, módulo, Estação Espacial Internacional, NASA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar