12:48 05 Dezembro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    0 70
    Nos siga no

    Para acompanhar partidas de seu filho no Campeonato Carioca Sub-20, Fabrício Queiroz esteve em Saquarema duas vezes e na cidade do Rio de Janeiro uma vez entre maio e setembro de 2019.

    De acordo com o jornal Extra, o ex-assessor de Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) deixava Atibaia, em São Paulo, com destino ao Rio de Janeiro com a ajuda do radialista Márcio Motta, amigo e apoiador da família Bolsonaro, e a equipe do deputado federal Lourival Gomes (PSL-RJ). 

    Motta afirmou à publicação que esteve com Queiroz "algumas vezes" em Atibaia e que o ex-assessor fez a seguinte avaliação da morte do ex-capitão do Bope e miliciano Adriano da Nóbrega: "Perdi um amigo, estou triste."

    Já o congressista Lourival Gomes, e seu filho Ronan, negam que tenham recebido Queiroz. 

    "Só vinha em dias de jogos e ia embora. Só se [ele] ficou em pousada", disse Ronan. "Essa informação [de abrigar] não procede, não. Ele pode até ter ficado por perto aqui."

    Gomes também afirma que não sabia que o filho de Queiroz estava no clube que administra, o Sampaio Corrêa.

    Mais:

    Flávio Bolsonaro diz que está tranquilo e que prisão de Queiroz é movimento para atacar presidente
    Fabrício Queiroz reaparece, volta a assombrar o Planalto e isola Bolsonaro
    Prisão domiciliar para Queiroz é negada pela Justiça do Rio de Janeiro
    Advogado da família Bolsonaro disse que nunca falou com Queiroz e que também não é 'Anjo'
    Segundo Wassef, Bolsonaro e filho não sabiam onde estava Queiroz
    Tags:
    Jair Bolsonaro, PSL, Flávio Bolsonaro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar