21:04 20 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Brasil lidando com COVID-19 em meados de abril de 2020 (77)
    4130
    Nos siga no

    O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, declarou nesta quinta-feira (16) que a chefia de sua pasta sofrerá mudanças em questão de horas.

    O ministro participou na manhã desta quinta-feira de um debate online sobre a COVID-19 com especialistas, promovido pela Iniciativa FIS (Fórum Inovação Saúde), que reúne lideranças da Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro, Fiocruz, UFF, UFRJ, Academia Nacional de Medicina, entre outros.

    "Devemos ter uma situação de troca no ministério que deve se concretizar hoje ou amanhã", disse o ministro.

    A saída do ministro do cargo voltou a ser centro das atenções desde o início desta semana, em função do desgaste na sua relação com o presidente Jair Bolsonaro. Mandetta já comunicou a saída à sua equipe.

    "Eu sou a peça menor dessa engrenagem, eu escolhi muito bem a minha equipe", acrescentou o ministro e disse que o combate continua, independente do novo nome no cargo.

    Para Mandetta, a crise pode abrir uma oportunidade para o fortalecimento do SUS (Sistema Único de Saúde).

    "O SUS ganha importância política no Senado e na Câmara para ter orçamentos mais próximos de um país que tem muitas doenças negligenciadas, como tuberculose, convivendo com a necessidades de leitos de alta complexidade. Teremos uma voz mais forte sobre isso", concluiu.
    Tema:
    Brasil lidando com COVID-19 em meados de abril de 2020 (77)
    Tags:
    Brasil, COVID-19, Ministério da Saúde
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar