19:22 15 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Michel Temer durante coletiva em Brasília

    Marqueteiro do Planalto diz que Temer 'já é candidato' nas eleições de 2018

    © Foto / Valter Campanato/Agência Brasil
    Brasil
    URL curta
    Intervenção federal no Rio de Janeiro (45)
    606
    Nos siga no

    O marqueteiro de Michel Temer, Elsinho Mouco, declarou que o Planalto pretende usar a intervenção militar no Rio de Janeiro para aumentar a popularidade do presidente e alavancar a sua candidatura nas eleições de 2018.

    De acordo com o publicitário, a intervenção na Segurança Pública do Rio de Janeiro é uma grande chance para Michel Temer aspirar a um novo mandato na presidência. A expectativa do marqueteiro é de que a operação tenha uma grande popularidade e impulsione uma virada na aprovação do governo Temer.  

    “Ele já é candidato […] A vela está sendo esticada. Agora começou a bater um ventinho”, disse Elsinho Mouco, citado pelo O Globo.

    “Viramos a agenda. Agora o momento é outro […] Neste momento, o presidente precisa resgatar sua biografia. A eleição é só em outubro. Ainda está muito longe”, afirmou Elsinho Mouco, acrescentando que “Temer jogou todas as fichas na intervenção”.

    Segundo o publicitário, com a intervenção militar no Rio de Janeiro, o governo acredita ter roubado um dos principais trunfos de Jair Bolsonaro, forte candidato nas eleições presidenciais que tem no discurso militarista uma de suas principais bandeiras. “Hoje a maior preocupação do brasileiro é com a segurança pública”, disse Elsinho. 

    Em pesquisa divulgada em 31 de janeiro, o Datafolha mostrou que o governo Temer tem aprovação de apenas 6% da população e reprovação de 70%. 

    Na semana passada, o presidente Michel Temer assinou o decreto determinando a intervenção na Segurança Pública do Rio de Janeiro até o dia 31 de dezembro de 2018. O general Braga Netto será o responsável por comandar em nome das Forças Armadas a atividade de segurança. Essa foi a primeira vez que esse dispositivo foi acionado desde a Constituição Federal de 1988. 


    Tema:
    Intervenção federal no Rio de Janeiro (45)

    Mais:

    Senado aprova intervenção federal de Temer na segurança do Rio de Janeiro
    Senador se arrepende por impeachment e chama governo Temer de 'quadrilha' (VÍDEO)
    Temer deve se candidatar à presidência, segundo cúpula do DEM
    'A desordem é a pior das guerras', diz Temer sobre o Rio de Janeiro (VÍDEO)
    Tags:
    candidatura, eleições 2018, segurança, operação, intervenção militar, Jair Bolsonaro, Michel Temer, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar