01:39 26 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Ásia e Oceania
    URL curta
    145
    Nos siga no

    Durante o verão do ano passado no Hemisfério Norte, a China surpreendeu a Índia por desviar tropas chinesas de seus exercícios anuais para realizar várias incursões no leste de Ladakh. Agora, no mesmo período nesse ano, Nova Deli diz estar monitorando a região atentamente.

    O Exército indiano está vigilante e observando com cautela os exercícios anuais de verão lançados pelo Exército de Libertação Popular da China (ELP) em "áreas profundas" voltadas para o leste de Ladakh, segundo contou um oficial sênior indiano à Sputnik.

    "O Exército e a Força Aérea indiana fortaleceram sua postura militar durante a 'temporada de campanha' no leste de Ladakh. Não apenas na região, mas em toda a Linha de Controle Real, de 3.488 quilômetros, até Arunachal Pradesh. Isso é para garantir que um aumento militar seja possível, se necessário", disse o oficial.

    Após os eventos do ano passado, os militares indianos não estão se arriscando desta vez, e como medida de precaução, o governo está mantendo a prontidão operacional de forças de reserva para conter qualquer ofensiva chinesa, ao mesmo tempo que lida com um momento delicado ao combater a COVID-19 que assola o país.

    "A pandemia levou ao realinhamento de forças ao longo da Linha de Controle Real. Após avaliação de risco e análise, algumas tropas foram retiradas para apoiar a nação na luta contra a pandemia da COVID-19. Embora alguma redução tenha ocorrido em alguns trechos, foram identificadas áreas onde a guarda não pode ser baixada", disse um oficial do Exército indiano de alto escalão.

    Após tropas rotativas e divisões motorizadas serem inseridas no setor de Ladakh, o ELP também deu início a seus exercícios anuais de verão em áreas profundas, incluindo Kanxiwar e Kashgar, localizadas entre 100 a 250 quilômetros da Linha de Controle Real. Outro ponto a ser levado em consideração, é que Pequim aparentemente converteu seus abrigos temporários de tropas, depósitos de munições, helipontos e posições de mísseis em instalações permanentes.

    Soldados paramilitares indianos montam guarda enquanto um comboio do Exército indiano se desloca na rodovia Srinagar-Ladakh em Gagangeer, nordeste de Srinagar, Índia, 18 de junho de 2020
    © AP Photo
    Soldados paramilitares indianos montam guarda enquanto um comboio do Exército indiano se desloca na rodovia Srinagar-Ladakh em Gagangeer, nordeste de Srinagar, Índia, 18 de junho de 2020

    Várias rodadas de negociações diplomáticas sobre o impasse na fronteira entre os dois países aconteceram, sendo a última delas no dia 9 de abril, mas não obteve qualquer avanço.

    Mais:

    Índia e China estariam discutindo retirada de tropas e material bélico de Ladakh
    Índia encomenda 12 navios-patrulha para 'combater' China em Ladakh
    Soldado chinês é capturado pelo Exército indiano em Ladakh, segundo relatos
    Tags:
    Índia, China, Ladakh, exercício
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar