19:19 12 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Destróier americano USS Johnston (DD-557) afundado na Batalha do Golfo de Leyte em 1944

    Navio da 2ª Guerra Mundial é encontrado em 'naufrágio mais profundo do mundo' (FOTOS)

    © Foto / Public domain
    Ásia e Oceania
    URL curta
    0 81
    Nos siga no

    Equipe de pesquisadores descobre restos de navio da Segunda Guerra Mundial, possivelmente o USS Johnston DD-557, a 6.200 metros de profundidade no mar das Filipinas.

    Embora a equipe, que seguia a bordo do navio de investigação RV Petrel, ainda não tenha determinado a identidade exata do navio, análises históricas e alguns restos da embarcação indicam que seja o navio USS Johnston DD-557, naufragado no mar das Filipinas em 25 de outubro de 1944, durante a Batalha do Golfo de Leyte, travada entre os Estados Unidos e o Japão na Segunda Guerra Mundial.

    "Acreditamos que seja o USS Johnston DD-557 [...]. Não existe nenhuma evidência da pintura de casco do USS Hoel [outro navio que naufragou na região]. A sua localização sugere que o naufrágio se deu na batalha após a perda do Hoel", disse Robert Kraft, um dos diretores da Allen's Vulcan Inc., empresa dona do Petrel.

    Encontrado a 6.220 metros de profundidade, acredita-se que o achado seja o naufrágio de maior profundidade da história até o momento. 

    1 / 7
    Possíveis restos do destróier americano USS Johnston (DD-557) afundado durante a Batalha do Golfo de Leyte em 1944 no mar das Filipinas

    De acordo com o portal GeekWire, a tripulação do Petrel, uma embarcação com cerca de 75 metros , já encontrou mais de 30 navios de guerra no fundo do mar, entre eles o USS Indianapolis, o USS Lexington, o USS Juneau, o USS Helena e o USS Hornet.

    Batalha do Golfo de Leyte

    Entre 23 e 26 de outubro de 1944, o mar das Filipinas foi palco da maior batalha naval da história contemporânea.

    O enfrentamento entre a Marinha Americana e a Marinha Imperial Japonesa foi decisivo para o fim do conflito mundial no Pacífico, visto que a partir da batalha as forças navais japonesas perderam todas as condições necessárias para mudar o curso da guerra.

    Conforme informou o portal Fatos Curiosos, os EUA contaram com centenas de navios, incluindo dezenas de porta-aviões, desde embarcações de escolta até as de maior porte, durante a batalha. 

    Por sua vez, o Japão contou com apenas quatro porta-aviões e cerca de 60 outros navios de médio e grande porte.

    Mais:

    Marinha da Rússia constrói navios de guerra 'sem análogos no mundo', segundo comandante
    Encontrados destroços do 1º navio que Japão perdeu na Segunda Guerra Mundial (FOTOS)
    Descoberta de bomba não detonada da Segunda Guerra Mundial evacua 15 mil pessoas na Alemanha
    Tags:
    batalha, EUA, Japão, Segunda Guerra Mundial
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar