13:53 21 Fevereiro 2018
Ouvir Rádio
    Kim Jong-un, líder norte-coreano, observa treinamentos do Exército Popular da Coreia

    Era do poder nuclear como exclusividade dos EUA acabou, diz Coreia do Norte

    © REUTERS/ KCNA
    Ásia e Oceania
    URL curta
    Tensão sem precedentes entre Coreia do Norte e EUA (186)
    57164

    Em editorial publicado nesta terça-feira, o jornal estatal norte-coreano Rodong Sinmun afirmou que os dias em que os Estados Unidos eram conhecidos como os únicos detentores da tecnologia nuclear como sua propriedade exclusiva terminaram.

    A tradução do trecho foi publicada pelo jornal japonês Yomiuri.

    No mesmo editorial, a publicação norte-coreana – representante do Partido dos Trabalhadores da Coreia do Norte – destacou ainda que o mundo verá como a unificação das duas Coreias seria alcançada. Entretanto, o texto não fornece mais detalhes a respeito.

    A declaração de Pyongyang veio no dia em que é comemorado o 85º aniversário de fundação do Exército Popular da Coreia do Norte.

    De acordo com autoridades sul-coreanas, como parte das festividades o país teria levado a cabo um novo teste com munições na área de Wonsan, no leste do país. O líder norte-coreano Kim Jong-un teria acompanhado o teste, segundo a agência de notícias sul-coreana Yonhap.

    A terça-feira ainda foi marcada pela chegada do submarino nuclear norte-americano Michigan a Busan, na Coreia do Sul. A embarcação é uma das maiores da Marinha dos Estados Unidos. Ele se une ao USS Carl Vinson em breve, durante os exercícios militares no Mar do Japão ao lado de embarcações da Marinha japonesa.

    A Casa Branca vem tomando essa e outras medidas a fim de persuadir Pyongyang a negociar. No último fim de semana, o vice-presidente dos Estados Unidos Mike Pence afirmou, em visita a Austrália, que o seu país não descansará enquanto não obter a desnuclearização da Península Coreana.

    Tema:
    Tensão sem precedentes entre Coreia do Norte e EUA (186)

    Mais:

    Coreia do Sul promete responder a Pyongyang 'com medidas mais duras'
    Japão, EUA e Coreia do Sul decidem aumentar pressão sobre a Coreia do Norte
    Coreia do Norte diz que concluiu preparativos para atacar bases dos EUA
    Tags:
    uss carl vinson, terceira guerra mundial, guerra nuclear, guerra, Rodong Sinmun, Mike Pence, Kim Jong-un, Península Coreana, Coreia do Sul, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik