19:06 02 Agosto 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    0 63
    Nos siga no

    As autoridades dos EUA estão realizando uma investigação a respeito de uma funcionária do Pentágono por suspeita de divulgação de dados classificados da agência de inteligência militar, informa a Bloomberg.

    A agência cita um documento interno do Gabinete do subsecretário de Defesa para Aquisição e Manutenção, de acordo com o qual Katie Arrington, que supervisionava a nova iniciativa no âmbito de cibersegurança para empresas contratantes de defesa, deixou de ter acesso a informação classificada.

    Segundo o documento, a suspenção ocorreu "em resultado de divulgação não autorizada de informação classificada e a subsequente remoção do acesso pela Agência de Segurança Nacional".

    De acordo com o texto, se essa decisão preliminar virar definitiva, Arrington "não será elegível para acesso a informações classificadas" ou para exercer "funções que tenham sido designadas como sensíveis em matéria de segurança nacional".

    O advogado da funcionária, Mark Zaid, confirmou o conteúdo do documento, mas disse à Bloomberg que "absolutamente nenhuma decisão foi tomada em relação a qualquer aspecto". Arrington está em licença administrativa durante a "investigação preliminar", cujos "detalhes específicos não nos foram revelados", disse Zaid.

    "Esperamos uma oportunidade para restabelecer completamente sua reputação e para seu retorno ao trabalho", concluiu.

    Mais:

    Rússia vê sinais de que governo Biden quer diálogo sobre cibersegurança
    Casa Branca pondera nova abordagem de cibersegurança após falhas na detecção de hackers, diz mídia
    'Ameaça genuína': especialista em cibersegurança dá razão para abandonar Google Chrome
    Tags:
    classificação, informação, vazamento, Pentágono, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar