01:21 25 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    6929
    Nos siga no

    O Secretário de Estado dos Estados Unidos, Mike Pompeo, anunciou neste sábado (9) o levantamento de todas as restrições norte-americanas para as relações com Taiwan.

    "Hoje estou anunciando que estou levantando todas as restrições autoimpostas [pelos EUA sobre Taiwan]. Os órgãos do Poder Executivo devem considerar todas as 'diretrizes de contato' com Taiwan anteriormente emitidas pelo Departamento de Estado, sob os poderes delegados ao Secretário de Estado, como nulas e sem efeito", escreveu Mike Pompeo em um comunicado.

    Hoje, estou levantando todas as restrições autoimpostas às interações dos órgãos executivos com seus homólogos de Taiwan. Esta ação será benéfica para nossas duas grandes democracias.

    O chefe da diplomacia dos EUA enfatizou que Taiwan é "uma democracia vibrante e um parceiro confiável dos EUA". "No entanto, por várias décadas, o Departamento de Estado criou restrições internas complexas para regular as interações de nossos diplomatas, militares e outros funcionários com seus colegas taiwaneses", acrescentou.

    "O governo dos EUA empreendeu essas ações unilateralmente, em uma tentativa de apaziguar o regime comunista em Pequim. Não mais", disse o secretário de Estado.

    Os Estados Unidos romperam oficialmente os laços com Taiwan em 1979. A China considera o território insular uma província rebelde e se opõe a qualquer contato entre Washington e Taipei.

    Mais:

    Autoridades japonesas caracterizam Taiwan como 'linha vermelha' e encorajam Biden a 'ser firme'
    China: passagem de destróieres dos EUA pelo estreito de Taiwan 'enviou o sinal errado'
    'Brincando com fogo': China adverte EUA sobre visita de representante da ONU a Taiwan
    Tags:
    relações internacionais, diplomacia, Taiwan, EUA, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar