20:59 05 Dezembro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    2125
    Nos siga no

    Em um comunicado de imprensa que foi corrigido, o secretário de Estado da Geórgia (EUA) afirmou que ainda certificará nesta sexta-feira (20) a vitória de Joe Biden nas eleições presidenciais no estado.

    O escritório da autoridade estadual se precipitou hoje (20) ao anunciar prematuramente que a certificação estava concluída, enquanto apenas os resultados não oficiais permaneciam na página oficial.

    Cerca de 40 minutos após a grande notícia, o gabinete do secretário de Estado corrigiu seu comunicado à imprensa e disse que os resultados seriam divulgados posteriormente, segundo a agência AP.

    De acordo com a apuração do New York Times, um funcionário enviou por engano um comunicado dizendo que o processo havia sido concluído.

    "Tivemos um funcionário que enviou o comunicado errado à imprensa", disse Jordan Fuchs, vice-secretária de Estado da Geórgia.

    "O Gabinete do Secretário de Estado da Geórgia certificou hoje (20) os resultados das eleições gerais de 3 de novembro de 2020. A certificação não impede o estado de continuar as investigações atuais relacionadas às eleições gerais ou de prosseguir com qualquer processo futuro que possa surgir dessas eleições", escreveu o escritório do secretário de Estado no comunicado anterior. 

    "Como secretário de Estado, acredito que os números que apresentamos hoje (20) são corretos. Eles refletem o veredito do povo, não a decisão tomada pelo escritório do secretário de Estado, pelos tribunais, ou por qualquer uma das duas campanhas'', acrescentava a nota.

    Segundo dados divulgados ontem (19) pelo gabinete de Raffensperger, a recontagem manual determinou que Biden venceu por mais de 12 mil votos em um universo de cinco milhões.

    A lei estadual da Geórgia exige que Raffensperger certifique os resultados das eleições até as 17h (horário local, 19h em Brasília) desta sexta-feira (20). Em seguida, o governador Brian Kemp tem até as 17h (19h em Brasília) de sábado (21) para confirmar quem receberá os 16 votos do estado no colégio eleitoral.

    Mais:

    Twitter identifica 300 mil postagens como 'enganosas' nas eleições dos EUA, diz CEO
    Advogada de Trump afirma que diretora da CIA deveria deixar seu cargo devido a 'falhas' em eleições
    Pesquisa: 52% dos eleitores republicanos acreditam que Trump é o vencedor das eleições
    Tags:
    votação, Geórgia, eleições nos EUA, Estados Unidos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar