05:38 25 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    123
    Nos siga no

    O primeiro debate entre os candidatos à presidência dos EUA , Donald Trump e Joe Biden, realizado na última terça-feira (29), recebeu muitas críticas pela grande quantidade de interrupções durante as falas dos debatedores.

    A porta-voz da Casa Branca, Kayleigh McEnany, declarou nesta quinta-feira (1º) que o presidente dos EUA, Donald Trump, quer participar do próximo debate presidencial, mas criticou a mudança de regras no formato.

    De acordo com o presidente dos EUA, a mudança de regras do debate presidencial norte-americano serve "apenas para cobrir a incapacidade de desempenho de seu rival".

    "Em primeiro lugar, com relação às mudanças nas regras da comissão, o presidente deixou claro seu ponto de vista sobre isso ontem, que ele pensa que a única maneira de haver um debate justo é mudando o moderador e mudando o candidato democrata", disse McEnany em uma coletiva de imprensa.

    A comissão que regulamenta os debates presidenciais dos EUA informou na última quarta-feira (30) que mudará o formato à luz das questões observadas durante o primeiro debate. Na noite de terça-feira (29), Trump interrompeu o candidato democrata 77 vezes, enquanto Biden cortou a fala do republicano 22 vezes.

    "Ele [Trump] quer debater. Ele planeja participar do debate, mas quer que as regras sejam justas e quer uma troca justa, e não quer regras que cubram a incapacidade de um determinado candidato de ter um bom desempenho", completou a porta-voz.

    Mais:

    Eleições nos EUA: Trump e Biden debatem pela 1ª vez com muitas interrupções e ataques
    'Florestas tropicais no Brasil estão sendo destruídas', diz Biden em debate com Trump nos EUA
    Biden deixa Trump para trás em quantidade de menções no Twitter após debate acalorado
    Tags:
    eleições, debate, Joe Biden, Donald Trump, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar