10:50 01 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    Coronavírus se espalha pelo mundo (101)
    26682
    Nos siga no

    O presidente dos EUA, Donald Trump, elogiou a Rússia por ter enviado um "grande avião carregado" com suprimentos médicos para ajudar no combate ao coronavírus e tratar doentes.

    "Tivemos ótimas relações com muitos países. A China nos enviou algumas coisas, o que foi fantástico. A Rússia nos enviou um avião carregado muito, muito grande, cheio de coisas, equipamentos médicos, o que foi muito bom", disse o presidente americano a repórteres na segunda-feira (30).

    "Outros países nos enviaram coisas que eu fiquei muito surpreendido, muito felizmente surpreendido", complementou o líder americano.
    Contudo, Trump não especificou que tipo de ajuda Moscou ou Pequim forneceram e não nomeou nenhum dos "outros países" que também haviam enviado suprimentos.

    O comentário foi um tanto confuso, já que as autoridades russas ainda não haviam anunciado o envio de ajuda médica para os EUA.

    Preocupação mútua

    A declaração de Trump sobre a ajuda ocorreu após uma conversa telefônica na segunda-feira com o presidente russo Vladimir Putin, em que dialogaram sobre a preocupação mútua quanto à rápida propagação do coronavírus.

    Moscou enviou na semana passada mais de 100 especialistas médicos e quase uma dúzia de aviões carregados com equipamentos para a Itália - incluindo ventiladores, material desinfetante, bem como máscaras faciais e outros equipamentos de proteção.

    Aviões russos são carregados com equipamentos antes da ida para a Itália
    © REUTERS / Ministério da Defesa da Rússia / Alexey Ereshko
    Aviões russos são carregados com equipamentos antes da ida para a Itália

    Segundo estatísticas da Universidade Johns Hopkins, mais de 786 mil pessoas adoeceram com COVID-19, cerca de 37,8 mil morreram, 166 mil pacientes se recuperaram no mundo todo. Os EUA registraram mais de 164 mil pacientes com coronavírus e 3,1 mil mortes.

    Tema:
    Coronavírus se espalha pelo mundo (101)

    Mais:

    COVID-19: China e Rússia ganham aos EUA na América Latina com poder brando, diz especialista
    Médicos russos desinfectam 2º hospital na Lombardia para ajudar no combate à COVID-19
    Poder brando em 1º lugar: para que Rússia investe tanto em ajuda humanitária?
    Tags:
    COVID-19, novo coronavírus, ajuda russa, EUA, Rússia, Vladimir Putin, Donald Trump
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar