Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Lavrov espera que tentativas dos EUA de privar a Rússia de voz em assuntos internacionais fracassem

© AP Photo / Serviço de imprensa do Ministério das Relações Exteriores da RússiaMinistro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, participa de conferência sobre relações internacionais, em Moscou, na Rússia, em 14 de abril de 2022
Ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, participa de conferência sobre relações internacionais, em Moscou, na Rússia, em 14 de abril de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 19.06.2022
Nos siga noTelegram
Washington não poderá privar Moscou de uma voz nos assuntos internacionais ou forçá-la a cumprir as regras inventadas pelos EUA, disse o ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, neste domingo (19).

"Eles estão buscando o que anunciaram há muito tempo: que a Rússia deve conhecer seu lugar, que a Rússia não tem direito a ter sua própria voz nos assuntos internacionais, que a Rússia deve cumprir as regras que os EUA criaram. Acho que eles entendem perfeitamente bem que eles não terão sucesso", disse Lavrov à emissora Rossiya 1.

As relações entre a Rússia e os EUA se deterioraram nos últimos meses, com Washington e seus aliados realizando uma campanha maciça de sanções contra Moscou por sua operação militar especial na Ucrânia.
Apoiadores do partido italiano M5S em comício na cidade de Roma, em 2 de março de 2018 - Sputnik Brasil, 1920, 19.06.2022
Panorama internacional
Maior partido da Itália se divide sobre envio de suprimentos de armas para a Ucrânia
Segundo o presidente russo Vladimir Putin, tais ações do Ocidente visam piorar a vida de milhões de pessoas. A pressão sancionatória sobre Moscou já se transformou em problemas econômicos para os EUA e a Europa, causando grande aumento dos preços dos combustíveis e dos produtos alimentares.
Embargos e proibições foram adotados nos mais diversos setores com o objetivo de estrangular a economia russa. As reservas internacionais do país foram congeladas e investimentos, interrompidos.
As sanções, entretanto, tiveram reflexos em outros setores como esporte e cultura, e ainda por meio da censura aos meios de comunicação do país no Ocidente.
Dmitry Medvedev, vice-presidente do Conselho de Segurança da Rússia, durante reunião em 7 de abril de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 19.06.2022
Panorama internacional
União Europeia pode desmoronar antes da adesão da Ucrânia, diz Medvedev
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала