Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Líderes da Itália, França e Alemanha chegam à Ucrânia (FOTOS, VÍDEO)

© AP Photo / Ludovic MarinÀ esquerda, o presidente francês Emmanuel Macron, ao lado do primeiro-ministro italiano Mario Draghi, e o chanceler alemão Olaf Scholz enquanto visitam Irpin, nos arredores de Kiev, 16 de junho de 2022
À esquerda, o presidente francês Emmanuel Macron, ao lado do primeiro-ministro italiano Mario Draghi, e o chanceler alemão Olaf Scholz enquanto visitam Irpin, nos arredores de Kiev, 16 de junho de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 16.06.2022
Nos siga noTelegram
O primeiro-ministro italiano Mario Draghi, o presidente francês Emmanuel Macron e o chanceler alemão Olaf Scholz estão atualmente a caminho de Kiev em um trem que vem da Polônia, informou o canal de TV RaiNews24.
"Os líderes europeus já estão no território da Ucrânia", anunciou a âncora do programa de notícias Mattina 24.
Agora é oficial: Macron, Draghi e Scholz estão a caminho de ver Zelensky em Kiev
Macron, Scholz e Draghi chegando a Kiev
O primeiro objetivo da visita, segundo o canal, é "mostrar apoio à Ucrânia e tentar superar as críticas que o presidente ucraniano, Vladimir Zelensky, despejou na Europa por sua resposta limitada e lenta na entrega de armas".
O presidente francês Emmanuel Macron disse que, junto com Scholz e Draghi, planeja se encontrar com Zelensky.
"Realizaremos uma reunião com o presidente Zelensky, assim como uma série de outros encontros, logo que cheguemos à zona de hostilidades", disse Macron à BFMTV.
Ucrânia: Emmanuel Macron visita Irpin, em um bairro parcialmente destruído pelos bombardeios. Esta visita, acrescentou, simboliza o apoio europeu às autoridades e à população ucraniana
"Gostaria de transmitir aos ucranianos um sinal de apoio e unidade europeia", disse o presidente francês.
O jornal La Stampa publicou em 13 de junho que Draghi, Macron e Scholz também conversariam com Zelensky sobre a desminagem dos portos do mar Negro, para que a Ucrânia possa retomar as exportações de grãos.
Além disso, o primeiro-ministro italiano deve compartilhar com os outros líderes os resultados de sua recente visita a Israel.
A visita dos três líderes, que não foi anunciada oficialmente por razões de segurança, ocorre um dia antes de a Comissão Europeia emita sua posição sobre a concessão à Ucrânia do status de país candidato à adesão à União Europeia (UE).
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала