Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

EUA pretendem facilitar adesão da Ucrânia, Suécia e Finlândia à OTAN

© Sputnik / Aleksei Bitvitsky O secretário-geral da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN), Jens Stoltenberg, durante conferência de imprensa após reunião do Conselho Rússia-OTAN, em Bruxelas, 12 de janeiro de 2022
 O secretário-geral da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN), Jens Stoltenberg, durante conferência de imprensa após reunião do Conselho Rússia-OTAN, em Bruxelas, 12 de janeiro de 2022  - Sputnik Brasil, 1920, 17.05.2022
Nos siga noTelegram
A embaixadora dos EUA em Kiev, Kristina Kvien, afirmou que se a Ucrânia aderir ao bloco militar da aliança, um processo simplificado poderá ser realizado, sem a necessidade de cumprir o Plano de Ação para Adesão.
Durante uma entrevista, a embaixadora norte-americana afirmou que estava analisando a possibilidade de a Finlândia também pular esta etapa para inclusão na OTAN, assim como a Ucrânia.
O Plano de Ação para Adesão (MAP na sigla em inglês) é um mecanismo para os futuros membros ajustarem seus sistemas políticos, econômicos e militares conforme os requisitos da OTAN.
Contudo, a embaixadora afirmou que o MAP não é obrigatório, e que a Ucrânia ou qualquer outro candidato poderia pular estes requisitos.
Ingresso da Finlândia e Suécia à OTAN - Sputnik Brasil, 1920, 17.05.2022
Panorama internacional
Que contribuição pode dar o ingresso da Finlândia e Suécia ao poder da OTAN?
A ação mostra, mais uma vez, que o principal objetivo norte-americano é atingir Moscou, e não ajudar Kiev, já que usa descaradamente a manipulação da Ucrânia para atingir suas metas contra a Rússia.
A ambição em minar e danificar as capacidades russas é tanta que os EUA estão dispostos a adicionar o maior número de países possível ao bloco, sem eles ao menos cumprirem os requisitos da aliança, e este plano ainda inclui países asiáticos, onde também se assiste a uma paranoia doentia contra a China.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала