Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Ex-deputado iraniano: 'Sempre foi intenção do Irã construir uma bomba nuclear' (VÍDEO)

© Sputnik / Mikhail Voskresensky / Abrir o banco de imagensUma réplica em tamanho real da bomba nuclear detonada mais poderosa da história, mais conhecida como Tsar Bomba, será exibida em uma exposição histórica no centro de Moscou.
Uma réplica em tamanho real da bomba nuclear detonada mais poderosa da história, mais conhecida como Tsar Bomba, será exibida em uma exposição histórica no centro de Moscou. - Sputnik Brasil, 1920, 25.04.2022
Nos siga noTelegram
"Não há necessidade de rodeios", disse o ex-parlamentar Ali Motahari em entrevista neste domingo (24).
Ex-membro do parlamento iraniano, Ali Motahari disse em entrevista à mídia iraniana que o Irã sempre teve a intenção de construir uma bomba nuclear, que seria usada como um "meio de intimidação".
Ele argumentou que o fracasso do país foi a incapacidade em manter os seus planos em segredo por tempo suficiente.
"Quando começamos nossa atividade nuclear, nosso objetivo era realmente construir uma bomba”, disse o ex-político iraniano à ISCA News. "Não há necessidade de rodeios", disse ele.
Suas declarações contradizem a posição histórica do Irã de que o pais nunca procurou construir armas nucleares, afirmação rejeitada por Israel e pelos serviços de inteligência ocidentais.
Questionado pelo entrevistador se as pessoas por trás do programa nuclear do Irã pretendiam usar a bomba, Motahari disse: "Não, queríamos construí-la como um meio de intimidação".
Ter uma bomba nuclear "não teria sido uma coisa ruim", disse Motahari. "Tudo o que estou dizendo é que, desde que começamos, deveríamos ter prosseguido até o limiar", comentou.
Questionado pelo entrevistador se seus comentários podem afetar as negociações em andamento com o Ocidente sobre o programa nuclear do Irã, Motahari afirmou que estava "dizendo essas coisas" em seu nome, sem nenhuma posição oficial como autoridade iraniana.
Ele acrescentou ao final da entrevista que o líder supremo do Irã, Ali Khamenei, atualmente se opõe à ideia de construir uma bomba atômica.
Menino segura uma foto do general Qassem Soleimani, chefe da Força Quds do Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica (IRGC, na sigla em inglês), morto em um ataque de drones dos EUA em Bagdá. - Sputnik Brasil, 1920, 23.04.2022
Panorama internacional
Irã diz que não abandonará planos de vingar assassinato de Soleimani mesmo se EUA retirarem sanções
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала