Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Gazprom comunica às partes decisão de Putin sobre pagamento pelo gás em rublos

© REUTERS / Dado RuvicModelo de bomba de gasolina em frente de logotipo da Gazprom em 25 de março de 2022
Modelo de bomba de gasolina em frente de logotipo da Gazprom em 25 de março de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 01.04.2022
Nos siga noTelegram
A empresa estatal russa garantiu que segue "exportando gás de forma confiável aos consumidores", enquanto o porta-voz presidencial da Rússia disse que nenhum fornecimento já realizado exigirá pagamento em rublos.
A Gazprom está notificando nesta sexta-feira (1º) as partes sobre o procedimento de pagamento do gás em rublos, comunicou a empresa estatal russa.
"A Gazprom, como empresa russa, cumpre incondicional e plenamente a legislação russa. A notificação do novo procedimento para pagamentos em rublos russos está sendo agora enviada oficialmente para as partes", disse a Gazprom no Telegram.
"A Gazprom é um parceiro responsável e continua exportando gás de forma confiável aos consumidores", garantiu.
Enquanto isso, Dmitry Peskov, porta-voz presidencial da Rússia, afirmou que havia a possibilidade de cancelar a decisão de passar a pagar o gás em rublos, mas que são necessárias "outras condições" para isso.
"Sem dúvida, se forem criadas outras condições, nesse caso não há nada rígido, mas nas atuais condições os rublos são para nós a opção mais preferível e confiável", apontou ele, e respondeu à pergunta se o decreto exigirá o pagamento em rublos para o gás já fornecido.
"Não, ele não tem efeito retroativo, claro."
Já Barbara Pompili, ministra da Transição Ecológica da França, assegurou que as empresas continuarão pagando o gás russo em euros.
Gasoduto em Beregdaroc, Hungria, um dos pontos de passagem do gás russo à UE - Sputnik Brasil, 1920, 30.03.2022
Panorama internacional
Alemanha entra em alerta antecipado caso gás seja cortado
"A informação que estamos recebendo nos últimos dias e horas de Moscou nos dá a entender que no final das contas as empresas podem continuar pagando aos bancos em euros, sendo que eles próprios vão converter os euros em rublos, em particular, o Gazprombank", sublinhou Pompili em uma reunião da comissão de assuntos econômicos da Assembleia Nacional francesa.
"Por enquanto as empresas pagam euros, os contratos são cumpridos, então isso muda pouco para as nossas empresas francesas. Neste momento não há risco de quebra de contrato se for tomada essa decisão", concluiu ela.
Barbara Pompili crê que a "imposição do pagamento em rublos é uma violação da maioria dos contratos".
"Os contratos das empresas francesas, particularmente com a Gazprom, eram feitos em euros, então as empresas se recusam com toda a legitimidade a mudar de moeda", declarou.
Vladimir Putin, presidente da Rússia, assinou na quinta-feira (31) um decreto sobre o procedimento especial para compradores estrangeiros cumprirem suas obrigações com os fornecedores russos de gás natural. O documento prevê que o pagamento do gás russo fornecido após 1º de abril às partes estrangeiras indicadas no decreto deve ser feito exclusivamente em rublos.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала